Autor: Daniel Fontana

Artigo | Os Bastidores do Inferno: A História da Produção de “O Exorcista”

Em 26 de dezembro de 2013, completou-se quarenta anos do lançamento de O Exorcista. Um dos exemplares mais famosos de um movimento que ficou conhecido como “Nova Hollywood”, o filme mantém até hoje uma aura de mistério e medo, em que algumas pessoas acreditam em um tipo de maldição vitimando de alguma forma membros do elenco e produção. Mesmo hoje em dia, é fácil encontrar pessoas que dizem que nunca assistiram e não o farão. É evidente que esse tipo de fenômeno é decorrente da temática do filme, mas como ele permanece tão forte ainda hoje? Qual o segredo de um filme vencedor, no sentido de cumprir sua promessa de causar medo, perto de tantos outros classificados como “de horror”, mas que parecem infantis se comparados a ele? A gênese do terror demoníaco de O Exorcista acontece na mente de William Peter Blatty, autor do livro e roteirista responsável pela sua adaptação para a tela. Na década de 1960, ele trabalhava como roteirista de comédias, em parceria com Blake Edwards, diretor conhecido pelos filmes da franquia A Pantera Cor-de-Rosa, com Peter Sellers. Blatty roteirizou Um tiro no Escuro, o segundo da série. Retomando a carreira de escritor, ele se afasta do cinema e começa a trabalhar em um romance, inspirado por um caso supostamente real. Quando bolsista na Universidade Jesuíta de Georgetown, em uma aula de teologia, Blatty ouviu falar do caso de um...

Read More

Publicidade

Newsletter Bastidores

Pin It on Pinterest