Essa semana ainda, foi anunciado que a atriz Jurnee Smollett-Bell irá interpretar a Canário Negro no vindouro filme do universo cinematográfico da DC, Aves de Rapina, marcando assim a primeira aparição da personagem nos cinemas, algo que os fãs estavam esperando há realmente muito tempo.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

A Canário Negro, codinome de Dinah Laurel Lance, sempre foi uma personagem bastante amada pelos fãs da DC, principalmente por aqueles que acompanham as HQs do Arqueiro Verde. Ainda assim, a Canário permanece bastante desconhecida por muitos, que somente ouviram falar dela recentemente graças ao anuncio do filme das Aves de Rapina. Este artigo busca jogar uma luz sobre quem é a Dinah Lance, de onde vieram seus poderes, o que ela pode fazer, suas outras aparições em live-action (como eu disse, essa é a primeira vez que ela irá aparecer em longa cinematográfico) e mais.

Dito isso, venham conosco visitar brevemente a trajetória dessa importante vigilante da DC Comics!

ORIGEM

Primeiro de tudo, é necessário saber que durante a saga Crise nas Infinitas Terras, toda a continuidade do Universo DC foi totalmente reescrita. Com isso, a Canário Negro foi dividida e acabou que duas pessoas diferentes herdaram o manto dela.

A primeira, Dinah Drake Lance, foi uma super-heroína que atuou na Era de Ouro, e fez sua primeira aparição durante a HQ Flash Comics #86. Em sua identidade secreta, Dinah Drake era uma florista de cabelos pretos que tinha um grande interesse romântico pelo policial Larry Lance. Dinah havia sido treinada por seu pai, Richard Drake, um detetive do departamento de polícia de Gotham, e assim ela pretende se tornar uma detetive assim como seu pai. Porém, os planos mudaram quando seu pai acabou falecendo graças a complicações cardíacas.

Com isso, Dinah decidiu combater o crime como uma vigilante e adotou o pseudo nome de Canário Negro, para honrar a memória de seu falecido pai. Quando ela agia como a Canário, Dinah cobria seu cabelo com uma peruca loira, usava meias-arrastão, botas de pirata, um colante preto, muito parecido com um maiô e uma jaqueta, que ela nunca abotoava. Quanto a questão de usar uma máscara, ela já usou algumas vezes, mas acabou desistindo e agia normalmente sem ela. Ela se encontrou pela primeira vez com a Sociedade da Justiça da América em All Star Comics #38 e acabou se juntando a famosa equipe de super-heróis em All Star Comics #41

Em algum momento durante os anos 50, Dinah tinha se casado com seu interesse romântico, Larry Lance, e poucos anos mais tarde, eles tiveram uma filha, chamada Dinah Laurel Lance. A garota cresceu rodeada pelos membros da Sociedade da Justiça da América, que eram muito amigos de sua mãe, e para ela, eles eram seus tios e tias. Conforme Dinah foi crescendo, ela decidiu que queria se tornar uma vigilante assim como sua mãe havia sido no passado. Mas ao invés de encorajar Dinah, sua mãe sempre desencorajou ela, toda vez argumentando que o mundo havia se tornando mais sombrio e perigoso do que na época que ela combatia o crime.

Contudo, ao contrário de sua mãe, Dinah nasceu com uma habilidade bastante especial, um grito sônico capaz de causar uma imensa destruição. Esse poder foi oriundo do meta-gene que Dinah possuía. Esse gene que ela possui foi passado por sua mãe, por conta de toda a exposição a energias místicas e radioativas que ela esteve exposta enquanto servia na Sociedade da justiça da América.  Um antigo amigo de sua mãe e ex-membro da Sociedade da Justiça da América, Ted Grant, mais conhecido como Pantera, aceitou treinar Dinah. Os anos de intenso treinamento valeram a pena, pois ela então conseguiu assumir o manto de vigilante que tanto desejava e se tornou a segunda Canário Negro, mesmo contra a vontade de sua mãe, Ela batizou o seu grito sônico como o “Grito da Canário” e passou a atuar em Gotham City.

Dinah Drake, a Canário original, acabou falecendo por conta da grande exposição que ela teve com radiação nos anos que agia como vigilante na Sociedade da justiça da América.

PODERES

A canário original, Dinah Drake, não possuía nenhuma habilidade especial ou super-poder. Ela contava apenas com seu treinamento policial, sua especialidade em artes maciais e em suas acrobacias realmente bem difíceis de serem realizadas, além de ser uma boa investigadora, assim como seu pai era. Ele sempre conseguiu se dar bem nas lutas usando apenas o seu conhecimento e seu treinamento.

Já a sua filha, Dinah Lance, nasceu com meta-gene, que concedeu a ela um poderoso grito sônico, que tem um poder destrutivo altíssimo que é capaz destruir diversos objetos e até de fazer as orelhas de todos em volta sangrarem, mesmo que não sejam os alvos. Ela também é treinada em várias artes marciais, graças ao seu intenso treinamento durante anos como o herói Ted Grant, e assim como sua mãe, ela é uma excelente investigadora.

APARIÇÕES EM LIVE-ACTION

Legends of the Superheroes: Sua primeira aparição em Live-action foi neste especial da NBC, baseado no desenho animados dos Super-amigos. A personagem é interpretada por Danulta Wesley aqui.

Birds of Prey: Nessa série de televisão baseada no famoso grupo de super-heroínas, eles resolveram fazer uma mudança completa na personagem, incluindo seu nome e poderes. Aqui seu é Dinah Redmond, interpretada por Rachel Skarsten, e ao invés de possuir o seu famoso grito sônico, ela possui poderes telecineticos e de telepatia. Mais tarde na série, somos apresentados a sua mãe, Carolyn Lance, interpretada por Lori Loughlin, que agia como vigilante e que possui o grito sônico.

Smallville: A Canário Negro aqui é interpretada pela atriz Alaina Huffman, aparecendo pela primeira vez no episódio “Siren” da sétima temporada da série. Ela é recrutada pelo Arqueiro verde para o seu grupo de heróis que ele estava montando, ela desde então passou a aparecer em vários episódios da série.

Arrow: Já apareceram três versões da Canário Negro nessa série. A primeira delas, Sarah Lance, interpretada por Caity Lotz, não possuía o grito sônico e contava apenas com suas habilidades que ela adquiriu ao longo de seu treinamento na liga dos assassinos, mas ela então acaba morrendo e o manto da Canário passa para sua irmã, Dinah Laurel Lance, interpretada por Katie Cassidy, que foi extensivamente treinada por Ted Grant e utiliza um aparelho para emular um poderoso grito sônico, mas ela acabou falecendo também, e uma versão maligna dela vinda de outra terra, aparece até hoje na série. E por fim, temos a atual Canário Negro da série, Dinah Drake, interpretada por Juliana Harkavy, e assim como nas HQs, ela é uma meta-humana e possui o grito da Canário sem precisar de qualquer aparelho para isso.

PRINCIPAIS HISTÓRIAS

Para quem quiser se aprofundar ainda mais no mythos dessa excelente personagem, recomendamos a leituras dessas histórias em quadrinhos, que inclusive incluem a primeira aparição de ambas as encarnações da personagem, a mãe e a filha. E também que mostram mais do seu relacionamento outros heróis/heroínas e inclusive com os grupos na qual ela foi uma das fundadoras.

Confira abaixo as principais recomendações.

  • Flash Comics Vol 1 #86
  • Brave and the Bold Vol 1 #61
  • Black Canary (Volume 1) #1
  • Adventure Comics Vol 1 #418
  • Black Canary (Volume 2) #1
  • JLA: Year One #1
  • Green Arrow: The Longbow Hunters Vol 1 #2
  • Black Canary (Volume 3) #1
  • Green Arrow Vol 3 #75
  • Secret Origins Vol 2 #50
  • Birds of Prey Vol 1 #1
  • Green Arrow and Black Canary #1
  • Black Canary and Zatanna: Bloodspell
  • Black Canary (Volume 4) #1

A nossa recomendação é que leia todas na ordem em que foram lançadas, assim dará para entender tudo o que aconteceu com a personagem durante diferentes fases. Assim quando o filme das Aves de Rapina estrear, vocês já estarão pode dentro de praticamente tudo sobre ela, e quem sabe até entender algumas referências ou pegar easter eggs durante a projeção.