Distribuição: Paramount
Duração: 121 min
Discos: 1
Embalagem: Amaray
Luva: Não
Preço: 69,90

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Vídeo

Razão de aspecto: 2.39:1
Resolução: 1080p
Codec: MPEG-4 AVC (28.30 Mbps)

Áudio

Inglês: Dolby Atmos
Espanhol: Dolby Digital 5.1 (448 kbps)
Português: Dolby Digital 5.1 (640 kbps)

Análise

 

O Filme

   

Mãe! Com certeza é o filme mais divisivo de 2017. É simplesmente um tremendo ame ou odeie. Há quem ache a alegoria do filme genial, há que deteste e afirme que ele não possui uma história por só ao apostar tão ferrenhamente na mensagem que demora duas horas inteiras para se revelar de vez. Como Aronofsky não se importa muito com o que acham do trabalho dele e com a carta branca que Paramount ofereceu ao diretor, tivemos um filme cru e visceral como há tempos. Leia nossa crítica completa aqui.

Mãe – A Espiral Decrescente (30 minutos)

   

Esse é o principal extra do blu-ray trazendo o making of de Mãe! desde os estágios iniciais da leitura do roteiro, do ensaio gravado do filme inteiro em um galpão até o fim da produção de fato. Mesmo sendo um documentário mais interessado no elemento do bastidor da produção, há a permanência completa do glamour nas entrevistas com membros que dizem somente o que devem dizer, sem entrar em detalhes excessivos.

O curta claramente foi finalizado antes do filme estrear, então não temos nenhum insight valoroso de Aronofsky sobre a alegoria religiosa que ele queria fazer. Todos tratam como um filme de gênero normal sobre uma pessoa não conseguindo lidar com as inconveniências de convidados indesejados. Por um lado, perdemos a opinião importante dos realizadores do projeto. Por outro, temos um material riquíssimo de making of que vai a fundo da construção do set da casa, de sua arquitetura, da fotografia, das direções de Darren Aronofsky para seu elenco, da maquiagem e, principalmente, da transformação completa que a casa sofre durante o terceiro ato da obra. Como tudo é focado no material pré e durante produção, não temos detalhes sobre a montagem e da finalização sonora espetacular que o filme recebeu. Ótimo documentário, mas incompleto.

A Maquiagem de Mãe! (6 minutos)

★★★ ½

Esse é outro pequeno documentário muito interessante sobre os efeitos práticos mais difíceis que realizaram no longa. Surpreendentemente, há muita coisa feita com maquiagem e animatrônicos incluindo o bebê e a criatura da privada. O esforço da equipe de efeitos especiais é muito bem reconhecido aqui, até mesmo revelando alguns segredos de engenharia. Infelizmente, é muito curto, repete imagens do documentário anterior e não entra em detalhes de modo considerável dando a impressão de ter sido feito na pressa.

 

Conclusão

Mãe! chega em blu-ray somente com esses dois pequenos extras, mas muito valiosos no ponto de vista de produção cinematográfica – algo que consideravelmente falta em diversos bônus em lançamentos atuais. No caso do filme, não é recomendado comprar Mãe! sem nunca ter visto a obra antes, pois pode ser que fique decepcionado com o filme após a exibição e terá gasto um valor salgado no lançamento. Mas caso o ache uma obra espetacular como eu, é um item imprescindível. Além disso, temos uma faixa sonora Atmos incrível que melhora consideravelmente um trabalho de som já impecável. Como sabem, o visual de mãe! não é belíssimo e aposta em uma pobre linguagem visual além de cores monocromáticas. Apesar da melhoria na resolução, há forte ruído do grão do filme de 16mm que pode desagradar colecionadores mais puristas.

Agradecemos a Paramount Pictures pela cópia cedida para avaliação.

Comente!