Informações técnicas

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Distribuição: Sony
Duração: 89 min
Discos: 1
Embalagem: Amaray
Luva: Sim
Preço: 

Vídeo

Razão de aspecto: 2.40:1 
Resolução: 1080p
Codec: MPEG-4 AVC 

Áudio

Inglês: DTS-HD Master Audio 5.1
Espanhol: Dolby Digital 5.1 

 

Análise

O Filme

★ ★ ★ ★

2016 foi um ano fortíssimo para o cinema de terror e suspense. Uma das jóias mais brilhantes daquela safra definitivamente foi O Homem nas Trevas, segundo longa americano do cineasta uruguaio Fede Alvarez, que subverte as expectativas e convenções de uma fórmula simples com inteligência e muito domínio, balançando-se entre a elegância de um David Fincher e o slasher de um Wes Craven. É uma história muito favorecidade pela direção estilosa e a total imersão que o espectador tem na história, seja pela fotografia ou a sonoplastia. Uma das experiências mais tensas do ano passado. Crítica

Comentário em Áudio com Fede Alvarez, Rodo Sayagues e Stephen Lang

★ ★ ★ ★

Que maravilha encontrar um comentário em áudio! Aqui, o diretor e co-roteirista Fede Alvarez senta-se com o roteirista Rodo Sayagues e o ator Stephen Lang, intérprete do tenebroso Homem Cego, para uma faixa de comentário dinâmica e envolvente. O trio fala bastante sobre os estágios iniciais da produção, com a dupla criativa oferecendo um olhar às primeiras ideias, a algumas curiosidades de gravações (como o fato de a casa onde o trio protagonista assalta no começo do filme ter sido rodada na Europa, visando um contraste com a precariedade de Detroit) e Lang compartilhando histórias divertidas e seu preparo físico para determinadas cenas. É curioso também ouvir Alvarez e Sayagues falando sobre o título do filme, que foi alterado múltiplas vezes até o original Don’t Breathe, e que, ironicamente, a tradução nacional batizou de O Homem nas Trevas; o título preferido da dupla até a Sony optar por “Não respire”.

No Escape

★ ★

O primeiro dos curtos featurettes é focado no visual do filme. Fede Alvarez e o diretor de fotografia Pedro Luque falam bastante sobre a imersão do espectador nas trevas e como o design das casas, ruas e subúrbios de Detroit ajudam a contar a história. Infelizmente, é um vídeo editado bruscamente e não oferece nenhum aprofundamento em sua curtíssima duração.

Man in the Dark

★ ★ ★ ½

O foco das atenções se converte para o personagem titular de Stephen Lang, o misterioso e perigoso Homem Cego. O ator fala brevemente sobre o backstory do antagonista e até procura oferecer o ponto de vista complexo do personagem, que começa como uma vítima e é revelado como um completo psicopata. O restante do elenco complementa sobre a experiência de trabalhar com um ator tão físico e comprometido como Lang, e como suas lentes de contato eram assustadoras.

Meet the Cast

★ ★ ★ ½

O featurette é centrado agora nos outros atores do filme, que compõem o trio protagonista de ladrões. Alvarez discorre sobre como a história força o espectador a escolher um personagem para se apoiar, falando sobre o núcleo dramático da Rocky de Jane Levy, a humildade e paixão do Alex de Dylan Minette e a sagacidade e temperamento explosivo do Money de Daniel Zovatto. Cada um dos atores elabora um pouco sobre as respectivas motivações, com Alvarez frisando que essa é uma história onde nenhum personagem é um santo.

Creating the Creepy House

★ ★ ★ ½

Um dos aspectos mais interessantes de O Homem nas Trevas é a casa do personagem de Stephen Lang, e aqui o designer de produção Naaman Marshall nos leva a um tour pela casa e explora alguns de seus cômodos, dando atenção aos pequenos detalhes que revelam muito sobre seu dono. A paleta de cores soturna, os corredores apertados e o sinistro porão do Homem Cego são algumas das principais atrações.

The Sounds of Horror

★ ★ ★ ★ 

Um dos aspectos mais primorosos da produção certamente é a sonoplastia, que foi covardemente ignorada pela Academia durante as indicações ao Oscar. Porém, este featurette concentra-se um pouco na trilha sonora musical de Roque Baños, que tomou uma atitude radical e compôs toda a música com um especialista em construir instrumentos próprios, seja com engrenagens, correias de bicicleta e qualquer tipo de material que oferecesse a Baños a impressão de que “a casa estivesse falando”. É fascinante, mas um tiro no pé por sua duração minúscula…

Deleted Scenes

★ ★ ★ ★ ★

Para compensar a curta duração do filme, eis que o blu-ray de O Homem nas Trevas nos surpreende com 15 minutos de cenas deletadas e estendidas! Elas incluem momentos com o Homem Cego cuidando carinhosamente de seu jardim, um aprofundamento maior na vida de Alex e na relação com seu pai (incluindo duas cenas com um longo plano de reação que trazem um fantástico trabalho de Dylan Minette), um monólogo do antagonista que oferece um insight mais detalhado ao caso de sua filha e até uma dancinha fofa/esquisita de Rocky que certamente ajuda a convencer Alex a ajudá-los no roubo. Ótima seleção, e todas elas trazem comentários adicionais de Fede Alvarez e Rodo Sayagues.

Conclusão

É uma pena que a Sony não tenha lançado O Homem nas Trevas em blu-ray no Brasil, vide o primor técnico que definitivamente merece a melhor qualidade de som e imagem possível. Em quesito de extras, é uma decepção por termos apenas um tangenciamento à produção e os bastidores do filme, com a maioria dos featurettes sendo curtos demais e sem profundidade. Porém, o comentário em áudio é uma boa adição, assim como as excelentes cenas deletadas.

Comente!