Christopher Nolan se desculpou com a Netflix sobre as críticas feitas contra a companhia.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Durante uma entrevista com o site Indiewire, no Festival de Cannes deste ano, o diretor declarou ter uma “bizarra aversão” sobre o apoio da plataforma de streaming em relação à indústria do cinema. Em uma conversa sobre a apreciação de um filme nos cinemas versus através de um serviço online, Nolan disse a Variety que sua resposta não era diplomática e que enviou ao chefe de conteúdo da Netflix um e-mail formal pedindo desculpas sobre seu comportamento.

Ele explicou que, considerando sua carreira dentro do mundo cinematográfico e o plano de negócios sobre a migração de filmes do cinema para serviços de streaming, ele poderia ter sido um pouco mais educado. “Eu não estava dando nenhum contexto para a natureza francamente revolucionária que a Netflix tem tido”, ele declarou. “É extraordinário. Eles precisam de um reconhecimento apropriado e de um respeito considerável, os quais eu definitivamente tenho”.

O cineasta também comparou seu ideal de indústria cinematográfica com a situação que as editoras enfrentam hoje. Essas companhias tradicionalmente lançam uma versão em capa dura bem mais cara de um título antes de optarem pela divulgação de uma edição mais barata e acessível. Isso permite aos editores maximizarem suas revendas antes de oferecem múltiplas iterações para os consumidores.

“Uma ou outra indústria, seja de carros, seja de filmes, controla o momento em que um produto é lançado”, Nolan acrescentou. “A ideia de que a indústria de filmes deveria esquecer e jogar tudo de uma vez só e ao mesmo tempo não faz nenhum sentido. Não é um bom negócio”.

Comente!