Jumanji: Bem-Vindo à Selva

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Distribuição: Sony

Duração: 119 min
Discos: 1
Embalagem: Amaray
Luva: Sim
Preço: 49,90

Vídeo

Razão de aspecto: 2.39:1
Resolução: 480p
Codec: MPEG-4 AVC (20.30 Mbps)

Áudio

Inglês:  Dolby Digital 5.1
Espanhol: Dolby Digital 5.1
                                                            Português: Dolby Digital 5.1

Análise

O Filme

    ½

Jumanji: Bem-Vindo à Selva: Não é um filme perfeito, claro. Tecnicamente, há uma dependência muito grande em efeitos visuais, que acabam demonstrando sua artificialidade em diversos momentos, seja com cenários virtuais ou animais selvagens completamente renderizados – mas partindo por um lado, até mesmo videogames têm sua parcela de gráficos ruins, não? E ainda que traga boas cenas de pancadaria, Kasdan é mais um adepto da escola Anthony e Joe Russo do obturador de câmera alto, garantindo uma velocidade um tanto excessiva durante os golpes, chutes e saltos, o que nunca fica bom em um efeito 3D – ainda que a conversão seja bem decente em sua maioria. Por fim, vale mencionar o ótimo trabalho de Henry Jackman na trilha sonora, que oferece uma música intensa, old school e mais épica do que o esperado.

Erros de Gravação

★ ★

São quase dois minutos em que o elenco aparece errando suas falas ou fazendo algo engraçado. São em sua totalidade cenas com risadas e mais risadas, para quem gosta de ver esse tipo de conteúdo é um prato cheio. Os atores que mais aparecem nessas cenas são Dwayne Johnson, Nick Jonas, Jack Black e o mais engraçado de todos Kevin Hart. Esse extra poderia ser mais extenso e ainda deveriam ter colocado alguma cena em que Karen Gillan estivesse presente. 

Conheça os Jogadores: Um Elenco de Heróis

  

Aqui descobrimos como funcionou o processo de criação dos personagens e como o elenco trabalhou para encorporar cada um deles. O produtor fala de como trabalhou para encontrar o ator certo para cada papel e um a um do elenco principal falaram do que acharam de seus respectivos personagens, de seus companheiros de cena e como foi trabalhar um com o outro. Enquanto cada um dava seu depoimento sobre o trabalho em grupo apareciam imagens do filme e do making of com cada um trabalhando antes de sua cena. É um extra interessante para saber mais sobre os personagens, mas apenas focam no trabalho deles no local das filmagens, nada sobre o processo de criação em si feita desde o roteiro até a prática. 

A Jornada Pela Selva: As Filmagens do “Jumanji”

  ★  

Um making of recheado com informações do processo de criação das cenas, desde efeitos especiais e visuais e como elas foram concebidas. Há entrevistas com o diretor Jake Kasdan, que fala da vontade que sempre teve de fazer um filme grandioso de aventura. Todo o elenco aparece em entrevistas curtas, como Dwayne Johnson, Jack Black e Karen Gillan que falam de suas experiências no longa, de como foi trabalhar com o diretor e como adoraram participar da produção. O designer Owen Paterson fala dos desafios de criar a terra onde Jumanji se passa, mostrando o local onde foram filmadas as cenas no Havaí. Comentam também a intenção de colocar cenas que lembrassem o primeiro Jumanji, como a reprodução da casa da árvore e a placa dizendo que “Alan Parrish morou aqui”. Outros processos de criação nos são apresentados. O figurino foi feito sob medida para os personagens, se inspiraram nos games e em caçadores para criá-los. E por fim, nos é mostrado como foi feito o design dos animais que aparecem a todo instante no filme, desde os rinocerontes, jacarés aos hipopótamos. Todos foram feitos em computação gráfica pensando em deixá-los o mais real possível. 

Ataque dos Rinos!

  

Um extra curto mostrando como a principal cena de ação foi criada e filmada. Os rinocerontes foram criados digitalmente e colocados em ação junto ao elenco que gravava em estúdio a cena do helicóptero. Helicóptero que foi criado em estúdio como se fosse um robô e ficava se mexendo para que os atores pudessem contracenar com ele como se estivesse em movimento, e depois a computação gráfica daria vida a essa cena tão icônica. Para cinco minutos de ação que presenciamos no longa foram mais de 13 horas exaustivas de filmagem. 

Jumanji.Jumanji: Videoclipe

 ★ ½

Este é um extra interessante e mais interativo do dvd. Todos do elenco principal (Dwayne Johnson, Nick Jonas, Kevin Hart, Karen Gillan e Jack Black) estão reunidos em uma sala e logo corta para Jack Black e Nick Jonas cantando na selva uma música que gostariam que fosse a trilha sonora original do longa, cujo nome é “Jumanji.Jumanji”. A música não é tudo isso, mas vale para presenciar a interação do elenco e vê-los fazendo piadas com o que lhes foi mostrado

 

Jumanji

Análise

O Filme

   

Jumanji: A grande sacada do filme é continuar o jogo de onde ele parou, com a adição das duas crianças como os novos jogadores. Logo, espere sim o retorno de uma traumatizada Sarah, abandonada por todos, tachada como louca e vivendo realizando leituras de mãos e previsões astrológicas na incrível presença de Bonnie Hunt. Ainda que o roteiro assinado supervisionado por Greg Taylor e Jonathan Hensleigh tente prezar tanto pelo drama quanto pelas quebras de expectativa de modo igualitário, o alcance desse equilíbrio nunca alcança seu potencial máximo principalmente pelo aproveitamento das mágoas carregadas pelos personagens de Hunt e Williams como forma de amenizar a tensa atmosfera do filme – ou ao menos aquela que deveria existir. É inegável dizer que os dois atores trazem bastante química para a tela, mas essas faíscas poderiam ter encontrado um espaço muito mais amplo caso inseridas dentro de um escopo mais sensível.

Comentário da Equipe Sobre os Efeitos Especiais

  

Seria o item mais interessante e relevante do dvd se não fosse por ele não ser um extra típico em que o entrevistado fala em frente a câmera sobre os efeitos especiais de Jumanji. Você escolhe entre as opções on ou of e assim pode habilitar ou a desabilitar. Ao a habilitar a opção você terá que assistir a todo o filme para ouvir os comentários por cima das falas dos personagens. O pior é que novamente sem opção de legenda em português, ou seja, quem não entende inglês fica sem entender o extra. Ao ouvi-lo você descobre como a produção trabalhou os efeitos especiais, que para a época foram um marco. 

Distrações Antigas

Aparentemente é uma espécie de jogo em 2D feito para interagir as crianças, mas ao entrar em cada ícone não é isso que encontramos. Sem legenda e com áudio apenas em inglês uma voz ensina a fazer diversos truques e mágicas com os amigos, quais materiais comprar e como criar todo o aparato para assustar ou impressionar os colegas. Só que como estamos no Brasil fica um pouco complicado para uma criança que não sabe inglês repetir o que é pedido pela voz. 

O Livro da Natureza

  

Esse conteúdo está ligado diretamente aos bichos que aparecerem no filme. São curiosidades a respeito de animais como morcegos, crocodilos, leões etc. Falam como esses animais agem, se costumam atacar humanos entre outros fatos. Novamente sem legenda, apenas com áudio em inglês.

Segredo & Enigmas

 

Um quiz interativo a respeito de Jumanji. O game quer saber se você é realmente um expert no filme e se está atento aos detalhes que aparecem nele. Não é um quiz fácil, perguntam o ano que se inicia a história, quantos anos se passaram desde que o jogo foi interrompido e por aí vai. Você só pode errar três vezes, caso isso ocorra você volta no game um pouco atrás de onde parou.

Conclusão

É uma edição que irá agradar tanto colecionadores fiéis por edições especiais quanto o público que não está acostumado a comprar dvds. O dvd de Jumanji: Bem-Vindo à Selva traz bons extras que irão deixar feliz a quem comprar com esse intuito, mas não é algo aprofundado. Há bônus que são bastante superficiais e poderiam ser muito mais interessantes do que se mostraram. O interessante foi descobrir como o processo de criação dos personagens e efeitos visuais foram criados. Já a edição de Jumanji se mostrou fraca por não trazer um conteúdo relevante de extras. Três games que não servem para nada a não ser ensinar truques ou fazer perguntas sobre o filme e o principal que seriam os comentários sobre efeitos especiais se mostrou um tiro no pé, já que não há legendas em português e os comentários são feitos assistindo ao filme. Como dito, é uma edição interessante para quem quiser ter as duas edições em um mesmo lugar e ainda tem a vantagem de vir com luva, um item que deixa o produto mais interessante. 

Comente!