» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Análise

O Filme

★ ★ ★ ★ ½

Em um nível técnico, não há muito o que se esperar de um longa que passa boa parte de sua projeção ambientado em escritórios contemporâneos. Novamente trabalhando com o diretor de fotografia Robert Elswit, Gilroy capta imagens muito diferentes de Los Angeles, preferindo seu aspecto mais urbano e comercial, evitando os cartões postais de Hollywood, Santa Mônica e até mesmo outras paisagens usadas pelo próprio em O Abutre. É um lado de LA que raramente vemos nos cinema, e como alguém que já turistou pela cidade das estrelas, é realmente inédito ver o sistema de transporte público da cidade – algo bem presente aqui, visto que o protagonista não possui carro, um grande tiro no pé se tratando de LA. A grande decepção nesse quesito fica com a trilha sonora de James Newton Howard, que havia se mostrado tão rico e original na colaboração anterior, agora se rendendo a uma música genérica e que parece tirada de um biblioteca de livre domínio do YouTube, que só nos diz o que devemos sentir e pontua transições de forma pouco envolvente.

Denzel Washington: Se Tornando Roman

   

Um extra de mais de cinco minutos mostrando a preparação de Denzel Washington para protagonizar Roman J. Israel. Denzel aparece contracenando com seus colegas, mas isso tudo sendo mostrado por trás das câmeras, como se fosse um making-of, mas focado apenas no ator. Dan Gilroy, Colin Farrell e o produtor falam de como foi trabalhar com Denzel Washington, a maneira como ele se transforma em cada cena e o próprio ator aparece falando como se preparou e como achou o personagem tão rico que acabou investindo nele. É um bom extra para quem quer conhecer mais sobre esse grande ator de Hollywood e para quem gosta de ver cenas dos bastidores das filmagens. 

Bastidores de “Roman J. Israel”

   ★ ★

Outro ótimo bônus que narra como a história de Roman J. Israel foi montada. O diretor Dan Gilroy e a produtora aparecem em um primeiro momento falando do sistema prisional americano e de como o personagem de Roman J. luta para seus clientes recebam justiça digna. Mostram outras locações em Los Angeles, como eram preparadas e como a equipe fazia para deixar tudo pronto no tempo certo. Novamente falam do elenco e de Denzel como Roman Israel. Produção e diretor falam de como foi entrar em um presídio de verdade e como o sistema prisional americano é inchado. Também apresentam o processo de criação dos figurinos de Roman e de George e como o desafio em criar trajes para fazer Roman, um personagem que não pensa em como se vestir.

Cenas Excluídas

★ ★ ★

São nove cenas que você pode escolher para assistir. Quase todas têm menos de dois minutos com exceção da cena em que Roman J. trabalha até tarde em diversos casos com um assistente e dialogam se é ou não importante ficar se matando de trabalhar em uma caso de uma pessoa culpada. É o trecho mais interessante e que não se sabe o porque foi cortado da edição final. As outras cenas excluídas não iriam alterar ou acrescentar nada à história do filme. 

Colin Farrell: Descobrindo George

★ ★ ★

Praticamente a mesma coisa que apresentaram no primeiro extra com a diferença que em vez de mostrar o processo de criação de Denzel como Roman, mostram Colin interpretando George. Diretor e elenco falam em como foi trabalhar com Colin e como ele fez para entrar em seu personagem e o próprio ator diz como curtiu fazê-lo.

 

Conclusão

É uma boa edição de dvd que irá agradar a todos os públicos. Por ser um filme que não saiu nos cinemas esta edição é muito bem-vinda pelo fato de quem comprar o dvd terá não apenas um bom filme em mãos, mas também um produto com ótimos extras e que mostram mais sobre o processo de criação dos personagens e do filme, algo que todo cinéfilo sempre almeja ao comprar um dvd e guardar em sua coleção. 

 

 

Comente!