A primeira exibição de Jogador Nº 1 ocorreu durante o SXSW, em Austin, festival que já ajudou a lançar grandes filmes de estúdio, como foi o caso do último Velozes e Furiosos, que acabou ganhando 1,5 bilhões de dólares na bilheteria. Para promover seu novo filme, o próprio Steven Spielberg foi até o festival e revelou sua intenção ao criar a obra e como ele teve a pior crise de ansiedade de sua vida durante a exibição.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

“Eu sou um gamer. Sou um gamer desde 1974, quando joguei o primeiro Pong enquanto filmava Tubarão. Mas eu realmente queria fazer esse filme com Ernest Cline e meu grande roteirista Zak Penn para pessoas que não jogam video games. Esse não é um filme somente para gamers.”

Durante a exibição, o filme passou por alguns problemas técnicos, que obrigaram o projecionista a recomeçar uma das centrais sequências da obra, o que trouxe algumas vaias. Apesar disso, a obra obteve ótimas reações da audiência. Em todo caso, Spielberg acabou sofrendo de uma crise de ansiedade durante o processo:

“Esse foi a maior crise de ansiedade que eu já tive. Eu fiz um monte de filmes históricos, os quais eu dirigi por trás das câmeras. Eu estou em controle desses. Quando eu decido fazer um filme sentado na audiência com vocês, eu dirijo no assento logo ao seu lado. A reação de vocês é tudo.”

Pelo jeito, Steven Spielberg está apostando pesado nesse seu mais novo longa.

Jogador Nº 1 estreia no dia 5 de abril de 2018.

Comente!