Há poucos dias foi anunciado que Light Yagami e Ryuk não seriam personagens jogáveis em Jump Force, game que une diversos personagens de anime. Agora, o produtor Koji Nakajima afirmou, em entrevista ao Bahamut (via Siliconera), que “se ele escreve nomes no Death Note, as pessoas morrem, certo? Ele seria forte demais”. 

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Realmente faz sentido, considerando que quem não encosta no Death Note não pode nem ver o shinigami, além disso, mesmo podendo enxergá-lo, qualquer um simplesmente atravessaria a criatura, sem poder encostar nela. O próprio mangá deixa bem claro que a única maneira de se matar um deus da morte é fazendo ele estender a vida de algum humano.

“A história de fundo é que o mundo real e o de Jump estão juntando-se por razões desconhecidas, e os heróis precisam impedir que isso aconteça. Os personagens de Death Note tem a ver com o acontecimento, que também significa que eles aparecerão na história.”

Nakajima complementou:

“A história se passa em Nova York, então inserir personagens de mangás de esportes pode ser um pouco difícil… são basicamente personagens de luta. Eu garanto que o game terá personagens que surpreenderão todo mundo.”

Jump Force será lançado para PlayStation 4, Xbox One e PC em 2019.

Comente!