Noah Hawley continua a desafiar os limites clássicos de uma narrativa convencional. Após surpreender muita gente com a excelente primeira temporada de Legionshowrunner pretende ir além com a história da 2ª Temporada:

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

São algumas coisas. Se o primeiro ano tivemos a história de um homem insano em um mundo normal, então agora estou mais interessado em ver David como um homem mentalmente estável. Já estabelecemos que ele não tem esquizofrenia e suas habilidades. Esse salto temporal ajudará no desenvolvimento do personagem para ele retornar e perceber que o mundo agora é um lugar bem diferente. Estudei muito assuntos envolvendo psicologia das massas neste ano. Doenças psicológicas também podem ser culturais de uma forma que esses problemas se tornaram interessantes para mim. Também exploraremos com Dan, ele está em uma aventura na qual a linguagem desse mundo temos heróis e vilões. Não determinados onde ele vai parar ainda. Muita coisa tem a ver com ele trilhar um caminho bom, seu romance com Rachel e sua experiência com Farouk. Serão coisas interessantes de explorar. 

Dan Stevens também disse que o salto temporal lhe rendeu algumas dificuldades para interpretar David no segundo ano.

Terei diversos problemas de confiança, afinal não sei quem me resgatou e para que me resgataram. É uma força do bem ou do mal? Ele está sendo usado de todo o jeito? Qual time que ele está jogando sempre esteve nos meus pensamentos. Isso elevou o desafio desse ano.

Legion voltará a ser exibido em abril deste ano no FX. Bryan Singer já não faz mais parte da produção executiva do seriado.

Comente!