Realmente, não é todo ator que sai contente por ter tido a chance de estrelar ou participar de uma série televisiva. Alguns por motivos bem bestas, já outros, por motivos que realmente nos dão a impressão de que fizeram a coisa certa. Isso varia de casos em casos e de ator para ator. Mas sempre existem estes casos de atores que se arrependeram de terem participado.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Com isso, listamos aqui cinco atores bem conhecidos que lamentaram ou melhor se arrependeram de terem participado de seriados na televisão, confira.

ANGUS T. JONES (TWO AND A HALF MEN)

A famosa série que lançou o nome e o rosto do ator Angus T. Jones nos lares de todo o mundo. Retratando o famoso filho de Alan, Jake. Quando ele tinha 17 anos, Jones assinou um contrato que lhe garantiria US $ 7,8 milhões por duas temporadas, fazendo dele a estrela infantil mais bem paga da televisão na época. No entanto, em 2012, Jones publicamente criticou a série em um vídeo do YouTube. Mas ele ainda sim permaneceu no programa até 2014, quando anunciou sua saída oficial e se auto rotulou como “um hipócrita pago”. Ele retornou para uma participação especial no último episódio da série, que foi ao ar em fevereiro de 2015.

STEPHEN DILLANE (GAME OF THRONES)

Ter a oportunidade de atuar em uma série como Game of Thrones é algo que certamente toda pessoa no mundo sonha, até o cantor Ed Sheeran teve a chance e apareceu no programa. Então, é um pouco surpreendente descobrir que Stephen Dillane, que interpretou Stannis Baratheon, não tenha gostado de participar do seriado.  Em uma entrevista ao The Times, Dillane revelou seus verdadeiros sentimentos sobre seu tempo na série. Ele inclusive falou, que foi uma experiência bastante desapontadora para ele e que sempre ficava perdido lendo o roteiro.

GEORGE REEVES (THE ADVENTURES OF SUPERMAN)

O nome de George Reeves certamente não deve ser o primeiro em que você pensa quando alguém menciona o Superman. Mas ele já assumiu o manto Homem de Aço durante o seriado As Aventuras do Super-Homem. Infelizmente, a capa pesou sobre Reeves, pois ele nutria sérias aspirações na atuação. De acordo com a Time, ele achava que Superman estava abaixo de sua dignidade e não gostava da necessidade de fazer dieta para o papel. Além disso, ele uma vez se referiu às suas vestimentas e a sua capa como um “macacão de macaco”.

JOHNNY DEPP (21 JUMP STREET)

Hoje em dia, Johnny Depp é um grande nome em Hollywood, mas no final dos anos 80, ele ainda estava tentando subir na vida como um jovem ator no seriado policial 21 Jump Street, e realmente deu certo, o papel fez dele um ídolo adolescente. Mas, depois de quatro temporadas interpretando o mesmo personagem, Depp ficou impaciente e quis sair. Ele brincou com a ideia de fazer mais filmes, querendo deixar para trás o chamado meio limitado da televisão e fazer algo diferente.

MILEY CYRUS (HANNAH MONTANA)

O caminho para o estrelato de Miley Cyrus começou na comédia musical da Disney, Hannah Montana. A série fez dela um ídolo teen com uma enorme fanbase, no entanto, ela recebeu muita atenção negativa quando Cyrus começou a se comportar de forma mais provocativa e não amiga da Disney. Em uma entrevista à CBS Sunday Morning, Cyrus revelou que as semelhanças entre ela e o personagem que ela interpretou na tela eram, na verdade, bem reais e ainda revelou que queria realmente se afastar o máximo possível dessa época em que ele interpretava a famosa Hannah. Bem, Cyrus fez o seu melhor para se distanciar dessa personagem e funcionou até agora. Parece que Hannah Montana agora virou uma memória distante e apenas Miley Cyrus, a cantora pop neurótica, permanece.

KATHERINE HEIGL (GREY’S ANATOMY)

Se você quiser realmente descobrir a definição de autodestruição, basta pesquisar sobre a carreira da atriz Katherine Heigl. Por abrir a boca sempre, ela acabou se tornando uma pessoa não grata em Hollywood. Seus problemas começaram em Grey’s Anatomy, onde ela desempenhou o papel de Izzie Stevens, uma das personagens principais do elenco da série, Heigl então tinha o mundo a seus pés. Mas as coisas mudaram depois disso. Em 2008, ela desistiu da corrida do Emmy, afirmando: “Eu não senti que recebi um roteiro digno nesta temporada para garantir uma indicação ao Emmy e, em um esforço para manter a integridade da organização da academia, retirei meu nome da disputa.” Milagrosamente, Heigl não foi demitida por seus comentários, mas ela deixou o show em 2010.

Comente!