Hoje, dia 31 de março, estreia mais uma série original Netflix, Os 13 porquês. E pensando nisso, resolvemos montar uma lista com 5 motivos para todos assistirem.

Baseada no best-seller de Jay Asher, conta a história de Clay Jensen que em um dia normal depois da escola recebe uma estranha caixa com várias fitas-cassetes e quando começa a escutar percebe ser de Hanna Baker, sua colega de sala e paixão secreta, que havia cometido suicídio semanas antes. As instruções de Hanna eram claras: treze pessoas receberiam aquelas fitas e deveriam escuta-las e passa-las para a próxima pessoa da lista. Cada pessoa era um motivo que levou Hanna à morte, mas por que Clay está na lista?

1 – Os temas 

A história trata de temas polêmicos, mas extremamente necessários, como por exemplo bullying, suicídio, depressão. E eles tratados da melhor forma possível, de forma natural e sem piadas ou rodeios. Em uma entrevista o criador da série, Brian Yorkey, disse: “Nós temos a habilidade de contar, por meio da ficção e da arte, histórias sobre coisas que são muito difíceis de se falar a respeito na vida real. Elas são especificamente difíceis para os jovens falarem, especialmente com os próprios pais. Minha esperança para Os 13 porquês é que eles tenham conversas sobre esses temas de vida ou morte sem ter que sentir medo.”

2 – Selena Gomez

A atriz e cantora Selena Gomez é uma das produtoras da série e isso é um projeto muito especial para ela. No ano de 2016 ela anunciou uma pausa na carreira de cantora porque queria se concentrar no tratamento do ataque de pânico e da depressão, que foram consequências do lúpus. Selena sempre foi muito aberta com os fãs sobre esses temas e a série veio para complementar esse seu desejo, inclusive uma das músicas da série é dela (claro!).

3 – O livro

O livro escrito por Jay Asher foi lançado em 2007 e no ano de 2011 alcançou o primeiro lugar de bestseller no New York Times. Iremos postar uma crítica completa do livro, porém podemos adiantar que Jay é um ótimo escritor. Ele mantém o mistério até o final, aumentando a expectativa do leitor e certa angústia por estar escutando algo tão íntimo e profundo (mas de forma leve, quase natura).

4 – O gênero

Na verdade não podemos considerar como um gênero apenas, porque seria mais uma mistura de mistério com coming of age. E acreditem, a mistura dá muito certo, pois a história trata de questões reais (e que a maioria de nós já conviveu, pelo menos algo parecido)  e o mistério complementa criando um clima mais sombrio e tenso.

5 – Hanna Baker e Clay Jensen

Durante a história acompanhamos Clay enquanto ele escuta a história de Hanna, incluindo suas reações. E logo de cara percebemos que eles tinham tudo para ser parecidos, mas essas treze razões impediram isso. São personagens que geram empatia e sim, se tornam um dos motivos para ver a série.

Agora que sabe os principais motivos para correr e assistir, confira o trailer da série também:

Comente!