Obs: Lista feita em colaboração com Ayrton Magalhães

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

A Nostalgia chega a ferver quando nos relembramos aqui da EXCELENTE série que foi Liga da Justiça. As 4 ótimas temporadas (as duas últimas sendo a fase Sem Limites) criadas pelos grandes Bruce Timm e Paul Dini foi um marco das séries animadas da DC. Servindo como uma continuação dos também ótimos seriados do Batman: A Série Animada e Superman: A Série Animada, o seriado foi um ápice criativo que juntou os maiores ícones da DC Comics em talvez suas encarnações definitivas, e traçou uma narrativa sem depender nem um pouco dos quadrinhos, mas completamente leal à essência de seus personagens. Com uma narrativa surpreendentemente madura para todas as faixas etárias e lidando com sérias temáticas, um elenco com rica diversidade étnica, e sem perder um pingo de sua diversão escapista.

E aqui buscamos juntar os 10 episódios no meio de outros excelentes, que melhor representam a grande qualidade criativa e narrativa que marcou esse seriado e eternizou para sempre esses icônicos personagens nas mentes e corações de todos!

Confira nosso ranking:

10. Escrito nas Estrelas (Starcrossed – 2ª Temporada)

Sem sombra de dúvidas, o melhor season finale que a série já teve. Antes da fase Sem Limites ter início, vimos aqui a Liga enfrentando um de seus maiores desafios ao enfrentar de cara os Tanagarianos, o povo da Mulher Gavião. Logo após chegarem a terra prometendo salva-la de uma possível invasão de uma espécie inimiga. Para mais tarde o Batman descobrir que os Tanagarianos planejavam dominar a terra e usar-la como arma contra seus inimigos. Dividido em três partes, seguimos a acirrada luta da Liga contra uma espécie inteira, sendo derrotados e virando foragidos onde são forçados a revelarem suas identidades secretas entre si em um dos momentos mais icônicos do seriado. E com um final agridoce com a partida da agora quebrada Mulher Gavião e o pobre Lanterna Verde com o coração quebrado. Um grande exemplar da escala épica que o seriado conseguia alcançar mas sem esquecer o drama íntimo de seus personagens, mas recheado de ação e humor.

9. Para O Homem Que Já Tem Tudo (For The Man who has everything – Sem Limites 2ª Temporada)

Este episódio é uma adaptação da HQ de mesmo nome escrita por Alan Moore, considerada por muitos como uma das melhores histórias já feitas sobre o querido homem de aço. Aqui, no dia do aniversário do Superman, o Batman e a Mulher-Maravilha resolvem ir a fortaleza da solidão para fazer uma surpresa para eles. Mas acabam se deparando com o superman paralisando com um misterioso organismo alienígena preso em seu peito. O Superman enquanto está em transe por conta do Organismo em seu peito, acaba tendo visões de como seria sua vida em Kripton caso o planeta não tivesse sido destruído. É uma coisa muito linda e pesada ao mesmo tempo, e por este evento acontecer logo no aniversário dele, torna a coisa ainda mais intrigante. Com toda certeza um dos melhores episódios de toda a série e também uma adaptação fidelissima da HQ de Alan Moore.

8. Em Outras Terras
(To Another Shore – Sem Limites 2ª Temporada)

Imagina só a força que três membros da Liga teriam contra toda a Sociedade Secreta. É um pouco do que vemos nessa episódio de Sem Limites, onde vemos a Mulher Maravilha mostrando mais uma vez seu espírito de liderança e força com a ajuda de J’on/Caçador de Marte e o Arqueiro Verde enquanto lutam contra o tempo e a Sociedade Secreta quando tentam recuperar o corpo do Príncipe Jon de um antigo navio Viking e desvendar o seu antigo poder de invulnerabilidade. Ao mesmo tempo que serve como um episódio de grande, e bem maduro, comentário ecológico; quanto serve também para explorar o medo de J’on se integrar na sociedade humana. Um de vários excelentes episódios do seriado!

7. O Retorno (The Return – Sem Limites 1ª Temporada)

Amazo está de volta e mais poderoso do que nunca. Após os lanternas verdes falharem e não conseguirem impedir que Amazo destruísse o Planeta Oa, o gigantesco androide coloca a sua trajetória em direção a terra. Ele planejava volta a terra para cumprir apenas um objetivo, se vingar de Lex Luthor, então toda a liga se mobiliza para impedir que o Amazo chegue a terra, onde também levam Luthor para um local seguro. Para impedir que Amazo o ache e conclua o seu nefasto objetivo, e o que restou da tropa dos lanternas verdes, começam a caça o Amazo pelos crimes que ele cometeu, mas talvez nada possa impedir ele, principalmente pelos poderes que ele adquiriu. A ideia de colocar o Amazo destruindo planeta central da tropa dos Lanternas foi excelente, pois de cara já mostraram o quanto ele está perigoso e também acrescentou um enorme peso ao capítulo.

6. Ultimato (Ultimatum – Sem Limites 1ª Temporada)

O primeiro confronto moral da Liga contra Amanda Waller e sua astúcia politica tomou forma aqui quando a Liga conhecera os Ultimen. Um grupo de jovens super-heróis sob comando do governo, grandes admiradores da Liga. Mas quando descobrem que eles são apenas meros clones criados em laboratório, com curto tempo de vida, o grupo sa torna uma ameaça. Um episódio que reflete o grande poder de inspiração que a Liga transmite e uma pequena trágica história quando vemos o jovem Grande Sopro que sempre sonhou em ser um herói da Liga, mas seu curto tempo de vida nunca permitiria. E claro, a iminência da grande e perigosa rival que Amanda Waller viria a ser.

5. No Além (Hereafter 2ª Temporada)

O Episódio que meio que adaptou o arco da morte do Superman. Um grupo de vilões formado por Kaliback, Livewire, mago do Tempo, Metallo e pelo homem brinquedo, resolvem atacar metrópoles na tentativa de atrair o Superman para poderem se vingar dele. E eles infelizmente tem sucesso em seu plano, pois este acaba passando na frente de uma rajada disparada pelo Homem-brinquedo que ia acertar o Batman e a Mulher Maravilha, essa rajada acaba vaporizando e aparentemente matando o Homem de aço. A liga e o mundo entram em luto por pela perda dele e realizam então um lindo funeral em sua homenagem, que certamente é uma das melhores cenas da série. Após Isso, a liga tenta seguir salvando o mundo sem a sua presença. Porém, o Superman não foi desintegrado com a explosão, mas sim levado ao futuro, onde o sol é vermelho, com isso ele fica sem os seus poderes e após algum tempo vasculhando aquele período da terra, ele acaba descobrindo Vandal Savage. Que aparenta ser o único humano restante no Planeta. É linda a maneira como é mostrada o amor que os membros da liga sentiam pelo Superman, tanto pela Mulher Maravilha quase matando o Homem-Brinquedo após o maligno feito e o discurso belíssimo do Batman em frente ao túmulo dele. Com certeza um episódio que merece ser preservado e guardado para todo o sempre.

4. Vivo (Alive – Sem Limites 2ª Temporada)

Na base da Sociedade Secreta. Lex Luthor continua a tentar ressuscitar Brainiac para lhe ajudar em seus planos, mas não consegue obter êxito. Tala se sente excluída ao ver que Lex liga apenas para Braniac e não dando atenção nenhuma e ela. Então ela liberta o gorila Grood de sua prisão, e este começa a montar um motim na base. Os vilões se dividem entre aqueles que apoiam Luthor e aqueles que apoiam Grood, e então uma batalha se inicia com o lado de Luthor saindo vencedor. Logo após em seguida, Luthor acidentalmente ressuscita alguém, não Brainiac como ele havia previsto, mas sim o maligno governante de Apokolips, Darkseid. Isso tão inesperado para Luthor quanto para o público que estava acompanhando o episódio. A volta de Darkseid foi esplêndida e ainda deram uma breve amostra ao público do quanto ele é poderoso. Foi algo lindo de se ver!

3. Nos Tempos de Savage (The Savage Time – 1ª Temporada)

Qualquer episódio de um seriado que envolva viagem no tempo sempre corre o risco de cair em redundâncias. Mas não foi o que aconteceu no primeiro e ÉPICO season finale da primeira temporada do seriado, e que se mostrou como um dos mais criativos e altamente divertidos do mesmo. Ao vermos alguns membros da Liga caindo em uma armadilha do perigoso Vandal Savage e vão para uma realidade paralela onde o mundo foi dominado pelas forças Nazistas onde Savage é comandante. E lá, são ajudados por um Batman de armadura futurista que lidera a resistência. Dividido em três excitantes partes, o épico episódio se destaca por realmente entregar um vilão temível com Savage e os perigos intensos para com a Liga enfrentando uma verdadeira guerra. E vemos pela primeira vez Mulher Maravilha interagindo e conhecendo o seu amor do passado, o piloto Steve Trevor quando a Liga viaja no tempo para impedir a vitória nazista sob ajuda de Savage. Que garante um finale cheio de ação e ainda alguns momentos bem emocionantes com o Superman abraçando seu velho amigo Batman quando finalmente voltam a realidade atual e a Mulher Maravilha visitando seu velho amor. O primeiro GRANDE finale de um seriado que prometia vir a melhorar cada vez mais.

2. Lendas (Legends – 1ª Temporada)

O episódio que prestou uma bela homenagem a Sociedade da justiça da América. O episódio dividido em duas partes. Começa com os membros da liga, o Flash, Lanterna Verde, Caçador marciano e mulher gavião lutando contra um robô gigante, então após isso eles são teleportados para uma terra paralela. Onde lá eles conhecem una equipe de heróis conhecida como Grêmio da Justiça da América, que aparentemente é a versão da liga da justiça daquela terra. É interessante como os integrantes do Grêmio, mesmo com nomes diferentes, possuem as mesmas vestes e sao praticamente os mesmos personagens da sociedade da justiça da América. De fato um ótimo episódio com uma homenagem mais linda ainda.

1. Epílogo (Epilogue – Sem Limites 1ª Temporada)

Talvez um dos episódios de trama mais inesperada e brilhantes de toda a série. Em um crossover surpreendente com Batman Beyound, ou Batman do Futuro, seguimos o jovem Terry McGinnis quando este descobre ser geneticamente similar ao seu velho mentor Bruce Wayne. E quando descobre através de uma Amanda Waller mais velha e amolecida de que ela tramara o nascimento de McGinnis com os genes de Bruce para ele vir a se tornar o próximo Batman. E a narrativa ainda toma um surpreendente percurso ao mostrar Waller recontando um confronto de membros da Liga com a liderança de Batman para interromper a poderosa telepata Ace de distorcer a realidade. Em um dos confrontos mais emocionantes de toda série, onde vemos Batman mostrando seu lado mais afetuoso e puro nunca antes mostrado ao confortar a jovem Ace momentos antes dela morrer por causas naturais. Um ato heróico que tanto mudou a forma de Waller encarar o homem morcego como seu jovem futuro aprendiz. Talvez o ápice da incrível roteirização e narrativa que a série de Bruce Tim teve.

Gostaram da nossa seleção dos melhores episódios de Liga da Justiça? Qual o seu favorito?

Comente!