O Cinema já nos entregou alguns antagonistas formidáveis – desde os mais ambíguos, até os puramente maus, alguns desses personagens conseguiram ofuscar até mesmo o protagonista de suas respectivas histórias. Seja uma grande ameaça ou uma mera pedra no sapato do ‘mocinho’, esses homens, mulheres ou criaturas foram capazes de transformar filmes e mais filmes e alguns foram tão marcantes que para sempre permanecerão conosco.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Esta lista busca colocar em evidência quinze desses emblemáticos vilões, levando em conta não meramente seus feitos e sim o impacto que surtiram em nós, espectadores.

Agora vamos lá, contemplar os maiores vilões do cinema!

15. Thanos

Os dez anos de Universo Cinematográfico Marvel precisavam de um vilão à altura. Ainda que Loki tenha roubado a cena em Os Vingadores, nenhum outro antagonista dos filmes do estúdio conseguiu, de fato, ser assim tão memorável. Muito caiu nos ombros de Josh Brolin e seu Thanos, que, enfim, conseguiu entregar o que tanto esperávamos. Definitivamente o ponto alto de Guerra Infinita, Thanos conseguiu o que nenhum outro personagem sequer chegou perto: derrotar os Vingadores. E de brinde, Brolin nos entregou um vilão multifacetado, com várias camadas, fugindo do arroz com feijão que estávamos acostumados quando se tratava do UCM!

14. Scar

Desculpe, Simba, Mufasa, Nala e outros, mas Scar é a melhor coisa de O Rei Leão! Afinal, não é todo dia que vemos, em uma animação da Disney, um irmão matando o outro e ainda culpando o sobrinho por isso. Scar não é apenas malvado, ele é cínico, sarcástico e se importa apenas com uma coisa: poder. Claro que grande parte dos créditos vão para Shakespeare através de Hamlet, mas isso não tira a força desse personagem extremamente carismático e puramente cruel. Se O Rei Leão é uma história épica, é por causa dele.

13. Enfermeira Ratched

Essa vilã trazida no glorioso filme Um Estranho no Ninho talvez seja a de perfil menos sanguinário, mas muito mais sádico que tenhamos em toda essa lista. É essencialmente impossível não odiar essa personagem que faz de tudo para atrapalhar as belas tentativas do protagonista interpretado por Jack Nicholson em revolucionar o manicômio que está internado. Com a síndrome do pequeno poder, temos revelações preciosas sobre como uma pessoa está disposta a ferir outrem por mero orgulho a ponto de privar esse terceiro de até mesmo sua própria consciência. Ela é uma das poucas vilãs dessa lista que sai vitoriosa do confronto, deixando um cenário muito depressivo no final deste filme fantástico.

12. Hans Landa

Au revoir, Shoshana!

Desde a cena inicial de Bastardos Inglórios, Hans Landa deixou bem claro que não seria ofuscado por qualquer outro personagem do filme. Christoph Waltz mais que mereceu seu Oscar por esse trabalho, que já pode ser considerado um dos melhores personagens dos longas de Quentin Tarantino.

11. T-1000

Se Arnold Schwarzenegger já deu um grande trabalho como Terminator no primeiro filme da franquia, foi T-1000 que virou o sinônimo de ‘vaso ruim não quebra’ em O Exterminador do Futuro 2! Implacável e completamente indecifrável, o robô assassino coloca nossos corações a mil a cada aparição no filme, sendo tão marcante que nenhum outro filme da série desde então conseguiu trazer um antagonista tão emblemático.

10. Voldemort

Por mais que nem todos os filmes da franquia Harry Potter sejam bons, o Voldemort de Ralph Fiennes conseguiu se destacar como um dos melhores elementos da saga. Com ótima caracterização e atuação de Fiennes, aquele que se chamava Tom Riddle conquistou seu lugar nessa lista através de todo o terror que ele representa na franquia, mesmo com breves aparições ao longo dos oito filmes. Voldemort conquistou, mesmo que por um curto período, a Inglaterra ‘mágica’, e permanece como um dos grandes vilões do Cinema.

9. Roy Batty

“Eu vi coisas que vocês não imaginariam. Naves de ataque em chamas ao largo de Órion. Eu vi raios-c brilharem na escuridão próximos ao Portal de Tannhäuser. Todos esses momentos se perderão no tempo, como lágrimas na chuva. Hora de morrer.”

Preciso dizer mais alguma coisa?

8. Norman Bates

O psicopata de algumas faces realmente causou pesadelos nos anos 1960. Hitchcock conseguiu engenhar sua obra-prima de tal modo que a revelação da mulher assassina ser, na verdade, Norman Bates, causou uma tremenda comoção, afinal se tratava da primeira vez que o cinema americano abordaria o transformismo em tela, além de outros transtornos psicológicos muito abstratos para o público comum da época. Pela completa coragem da reviravolta, além de toda a sordidez do passado de Bates, obviamente temos aqui um dos melhores vilões cinematográficos de todos os tempos.

7. Alien

O xenomorfo pode não ter sido tão bem tratado nos filmes pós-Aliens: O Resgate, mas somente através dos dois primeiros longas da franquia ele já merece ocupar essa posição na lista. Um dos melhores designs de monstro da História do Cinema, o Alien oscila entre o puramente aterrorizante e o implacável, uma máquina de matar, cuja aparência permanece atual até hoje, mérito de H.R. Giger, claro. Para sempre essa criatura se tornou sinônimo do alienígena monstruoso, conquistando o imaginário popular. E não acreditem em Ridley Scott, o público não se cansou dessa criatura e sim dos filmes (péssimos) que têm saído ultimamente com ela.

6. John Doe

Possivelmente um dos maiores psicopatas da História do Cinema, o grande vilão de Se7en é apenas um “zé-ninguém” conforme o próprio nome do personagem indica. Doe é um estrategista perverso disposto a tudo para quebrar o psicológico daqueles que ousam o caçar, além de ser muito original por conta da sua reviravolta espetacular de surgir em plena delegacia de polícia após considerar que seu trabalho estava concluído. Com todo o carisma de Kevin Spacey em maneirismos ligeiramente afeminados e um discurso sólido contra o mundo moderno, é difícil desconsiderar o peso que o vilão teve no cinema americano.

5. Gollum

O principal antagonista de O Senhor dos Anéis é Sauron, mas é Gollum quem rouba a atenção do público quando se trata de vilania na Terra-Média. Possivelmente o vilão mais ambíguo desta lista, Gollum é uma criatura perturbada, uma das maiores vítimas do Um Anel e seu potencial de ‘atração’. Sua fixação pelo objeto é tamanha que até ao ser engolido pela lava, ele se sentiu completo ao ter o objeto em suas mãos, tentando salvá-lo enquanto mergulhava para sua morte. Iniciando uma longa carreira na captura de movimento para Andy Serkis, Gollum não só é um dos mais fascinantes personagens da trilogia de J.R.R. Tolkien, como um dos mais memoráveis do Cinema.

4. HAL 9000

Stanley Kubrick conseguiu nos fazer temer a Inteligência Artificial quando isso parecia um conceito exclusivo da ficção científica. Com voz suave, calma e com a lente vermelha da câmera através da qual enxerga, esse sofisticado computador fez muito com pouco, se tornando um dos vilões mais memoráveis do Cinema.

3. Coringa

O Coringa já ganhou algumas representações nos cinemas ao longo dos anos – desde aquelas que queremos esquecer (Jared Leto, estou olhando para você), passando pelas memoráveis (Jack Nicholson), até a lendária de Heath Ledger, que mais do que mereceu seu Oscar póstumo. Por isso, o Coringa que colocamos aqui é o de O Cavaleiro das Trevas, o caos encarnado, que, sem dúvidas, roubou o filme todo para si (e olha que não estamos falando de um elenco qualquer). Perturbador e imprevisível, temos aqui um vilão que fez História.

2. Hannibal Lecter

Por mais que Mads Mikkelsen tenha roubado a cena através de sua interpretação do psiquiatra canibal, foi Anthony Hopkins que nos fez o favor de popularizar o personagem através de sua atuação ganhadora do Oscar. Lecter não é um psicopata qualquer, ele é sofisticado, inteligente e até divertido, é a maldade aliada da tentação, sugando a atenção do espectador independente de sua vilania. Lecter não é só um vilão que nos faz reconhecer sua maldade, é um vilão que conquista, logo nos minutos iniciais, o nosso respeito.

1. Darth Vader

Pergunte a qualquer um quem é Darth Vader e certamente essa pessoa saberá a resposta. De todos os vilões nesta lista, Vader é o que mais conquistou o imaginário popular, não apenas se tornando sinônimo de Star Wars (vide a dificuldade da Lucasfilm/ Disney em se desvencilhar do personagem), como de vilania. Quando pensamos nesse antagonista, não vem à cabeça a imagem de um ator ou algo assim, pensamos apenas no símbolo que ele se tornou. Seja através de sua voz imponente ou a sua armadura negra, o Lorde Sombrio dos Sith não poderia ficar em outro lugar, a não ser em primeiro. Um vilão tão forte que nem mesmo Hayden Christensen e George Lucas conseguiram destruir.

Comente!