Uma figurante que apareceu no filme Em Terreno Selvagem, dirigido e estrelado por Steven Seagal, acusou o ator de estupro, após inúmeras mulheres terem o acusado de assédio.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Regina Simons disse ao The Wrap que tinha dezoito anos na época do suposto estupro, que ela diz que ocorreu após Seagal a convidar para a festa de encerramento do filme, em sua casa, em 1993. Ao chegar, ela disse que era a única lá e que não haviam sinais de qualquer festa.

“Ele me levou até seu quarto e assim que fechou a porta começou a me beijar” disse Simons ao The Wrap. “Ele, então, tirou minhas roupas e antes que eu pudesse reagir, estava em cima de mim, me estuprando… eu não era sexualmente ativa ainda. As pessoas costumam falar de fugir ou lutar, mas nunca falam sobre congelarem enssas situações.”

Simons disse que foi pega completamente de surpresa e que Seagal tinha três vezes o seu tamanho,

“Eu chorava enquanto ele estava em cima de mim. Agora, com minha mente de 43 anos, sei como processar isso e entender o que é um relacionamento saudável e o que sexo consesual é. Não houve nada disso”.

A modelo holandesa, Faviola Dadis, também disse ao The Wrap que tanto ela, quanto Simons, registraram ocorrências na polícia de Los Angelos no mês passado. Um representante da polícia disse que o departamento está investigando um caso separado, envolvendo Seagal, de 2005.

Em novembro, no Instagram, Dadis acusou o ator/ diretor de ter a assediado durante uma audição em 2002.

Nenhum representante de Seagal ainda veio à tona, a respeito dessas acusações.

Comente!