Suspiria é um dos melhores thrillers/suspenses de todos os tempos. Dirigido por Dario Argento em 1977 e estrelando Jessica Harper como a protagonista Suzy Bannion, o filme é uma das pérolas do cinema moderno e o anúncio de um futuro remake pode não ter vindo com aceitação total por parte do público, principalmente por essa releitura tratar-se de um mergulho ainda mais profundo em seu potencial visceral a partir de uma nova perspectiva.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Em entrevista ao The Guardian, o diretor responsável pela nova roupagem, Luca Guadagnino, fez algumas declarações sobre seu principal incentivo para o projeto: realizar um sonho que tinha desde adolescente. “Todo filme que eu faço é um passo dentro dos meus sonhos joviais, e Suspiria é um dos mais megalômanos que eu tive”, ele contou. “Eu vi o pôster quando tinha 11 anos e assisti ao filme com 14, e isso me impactou de modo inesquecível. Eu imediatamente comecei a sonhar sobre fazer minha própria versão. Então eu acho engraçado ouvir as pessoas dizerem, ‘Como você ousa fazer um remake de Suspiria? Típica mente movida pelo sucesso comercial’.”

O novo filme é ambientado em Berlin de 1977 e gira em torno de uma jovem mulher norte-americana que entra para uma prestigiada companhia de dança – e sua chegada acontece no mesmo tempo em que um dos membros misteriosamente desaparece. À medida em que se envolve ainda mais com a companhia, ela começa a suspeitar que a equipe esconde um segredo terrível.

 

Comente!