em ,

007 – Sem Tempo Para Morrer gastou 38 mil litros de refrigerante em sequência de ação

A despedida de Daniel Craig como James Bond será explosiva em 007: Sem Tempo Para Morrer. Em uma das principais sequências de ação, a produção chegou a usar 38 mil litros de refrigerante durante as filmagens para tornar uma rua de paralelepípedos menos escorregadia para que James Bond pudesse fazer uma manobra perigosa em uma moto, em Matera, na Itália.

Em entrevista à Total Film (via NME), o responsável pelos dublês do longa, Lee Morrison, revelou que a ideia de usar a bebida veio do protagonista do filme, Daniel Craig.

O truque permitiu que o dublê Paul Edwards chegasse a uma rampa de 7,6 metros, a 96 km/h, ultrapassasse uma parede, até conseguir parar de maneira segura na rua. Jogar o refrigerante açucarado tinha como intenção deixar os paralelepípedos pegajosos, uma vez que estivessem secos.

Incrível, não?

007 – Sem Tempo Para Morrer estreia nos Estados Unidos no dia 2 de abril de 2021.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Tom Cruise recebe certificado de aviador naval honorário

Podcast Três É Demais #29 | A Hora do Pesadelo 3: Os Guerreiros dos Sonhos