Zhang Daming, um jovem da Malásia de apenas dezoito anos, alegadamente passou dez dias vagando na cidade de Singapura, pois era tímido demais para pedir por direções depois se perder no caminho para o apartamento no qual ficaria.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Zhang viajou da Malásia para Singapura no mês passado, procurando por trabalho, e estava dividindo um apartamento na cidade peninsular com um amigo que já morava lá há algum tempo.

No dia de seu desaparecimento, o colega de quarto de Daming lhe deu uma quantia equivalente a 37 dólares para comida antes de sair para o trabalho. Ele utilizou parte do dinheiro para almoçar, mas não se preocupou com pontos de referência que lhe ajudariam a voltar para casa. Quando saiu do restaurante, percebeu que não sabia como voltar para casa.

“Eu andei até o café mais próximo, mas não me lembrava de como voltar”, ele declarou, em uma entrevista. “Eu estava muito confuso, os apartamentos pareciam iguais para mim, e não reconheci nada no caminho de volta”.

Para ajudar, Zhang havia deixado o celular em sua hospedagem, junto ao passaporte e todos os documentos que trouxera consigo. Logo, não havia jeito de contatar seu amigo para pedir ajuda. E, ao que tudo indica, pedir ajuda a outras pessoas não era uma opção.

“Eu sou muito tímido. Não sei como os singapurianos são, então não ousei pedir ajuda ou pedir um celular emprestado. E também não consegui uma delegacia de polícia sequer”, ele declarou, após ser reencontrado.

Logo, ao invés de procurar por locais para conseguir voltar ao apartamento, ele permaneceu os dez dias seguintes vagando pela cidade, dormindo do lado de fora de prédios residenciais, utilizando o banheiro de shopping e de restaurantes e gastando o restante do dinheiro para comprar arroz.

Zhang disse que as coisas ficaram muito ruins depois do oitavo dia. “Passei os dois dias seguintes pedindo esmolas de estranhos. Eu estava morrendo de fome e desidratado, então me forcei e pedir dinheiro”.

O adolescente foi resgatado quando alguém o reconheceu de um anúncio de pessoas desaparecidas e notificou as autoridades. Ele foi encontrado a seis quilômetros do apartamento do amigo.

Logo depois, foi colocado em um ônibus para Kuala Lumpur. Zhang disse que não voltará para Singapura, com medo de se perder de novo.

Comente!