em , , ,

Alan Moore, criador de Watchmen, causa polêmica ao declarar que filmes de super-heróis arruinaram o cinema e cultura

Alan Moore, um dos mais célebres quadrinistas do mundo, que tem obras adaptadas (Watchmen, Monstro Do Pântano), já esclareceu algumas vezes sobre sua aversão às adaptações cinematográficas, principalmente sobre super-heróis — ainda que o universo heroico nas páginas seja muito importante.

Numa entrevista recente ao site Deadline, a referência dos quadrinhos comentou mais um pouco sobre o assunto e os pontos que fazem com que torça o nariz sobre as impressões nas telas de obras provindas de HQ’s:

“Eu não vi um filme de super-herói desde o primeiro Batman de Tim Burton. Eles arruinaram o cinema e também a cultura até certo ponto. Há vários anos, eu disse que achava um sinal realmente preocupante centenas de milhares de adultos fazendo fila para ver personagens que foram criados há 50 anos para entreter meninos de 12 anos. Isso parecia indicar algum tipo de desejo de escapar das complexidades do mundo moderno e voltar à uma infância nostálgica e lembrada. Isso parecia perigoso, estava infantilizando a população.”

Alan pontuou sobre a inversão com a realidade e como isso se choca no refúgio do cinema adaptado:

“Isso pode ser inteiramente coincidência, mas, em 2016, quando o povo americano elegeu Donald Trump, e o Reino Unido votou para deixar a União Europeia, seis dos 12 filmes de maior bilheteria foram filmes de super-heróis. Não quer dizer que uma causa provém da outra, mas acho que ambas são sintomas da mesma coisa – uma negação da realidade e um desejo por soluções simplistas e sensacionais.”

Ao ser questionado sobre assistir a algum desses filmes, o quadrinista finalizou:

“Oh, Cristo, não, eu não assisto a nenhum deles. Todos esses personagens foram roubados de seus criadores originais, todos eles. Eles têm uma longa fila de fantasmas atrás deles… Não tenho interesse em super-heróis, eles foram inventados no final da década de 1930 para crianças e são perfeitamente bons como entretenimento infantil. Mas se você tentar fazê-los para o mundo adulto, acho que se tornará meio grotesco.”

O que você achou desta publicação?

-1 points
Upvote Downvote
Avatar

Publicado por Edu Wayne

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

PlayStation 5 só não rodará 10 jogos do PS4; confira quais

5 ótimos filmes que vão te ajudar a salvar seu relacionamento