Um desastre de comunicação atingiu com força a 4A Games, desenvolvedora do novo Metro Exodus que é lançado já na próxima semana. 

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Toda a polêmica aconteceu por conta da remoção brusca do game da loja Steam, a preferida pelos gamers de PC. Ao decidir lançar o game exclusivamente na plataforma da Epic, a 4A Games desagradou um montão de gente. Os gamers, então, se reuniram e prometeram boicotar o lançamento e também a loja da Epic. 

Uma forma de manifestação ocorre com uma torrente de reviews negativas nos títulos existentes de Metro na Steam. 

Respondendo os gamers, um desenvolvedor da 4A ameaçou que, caso fosse realizado o boicote, nunca mais nenhum outro game da franquia chegaria aos PCs no futuro. Uma atitude bastante infantil diante de uma comoção digna dos consumidores. 

Desse modo, foi vez da 4A acionar o RP e emitir um comunicado oficial:

“Elas refletem a dor e o desapontamento de um indivíduo apaixonado que viu tudo o que anteriormente era boa-vontade em relação a seu trabalho se transformar em controvérsias devido a uma decisão de negócios sobre a qual ele não tinha controle. Pedimos respeitosamente que todo e qualquer feedback válido sobre essa decisão seja dirigido à Koch Media/Deep Silver, e não aos desenvolvedores da 4A Games. As estratégias futuras para a série Metro cabem à Koch Media/Deep Silver. Nossa decisão de fazer a parceria com a Epic Games foi baseada no objetivo de investir no futuro da série e em nossos parceiros de desenvolvimento na 4A Games. Temos total intenção de continuar a investir na franquia, e uma versão PC sempre estará no coração de nossos planos.”

Caso bastante complicado.

Comente!