em ,

Atriz de A Origem e Juno, Ellen Page, revela ser trans: “Meu nome é Elliot”

Antes conhecida como Ellen Page, atriz que trabalhou em Juno, A Origem The Umbrella Academy, hoje é Elliot Page. O ator se identificou como transgênero em uma carta aberta publicada em suas redes sociais.

Confira:

Olá amigos, quero compartilhar com vocês que eu sou trans, meus pronomes são ele/elx e meu nome é Elliot. Me sinto sortudo de estar escrevendo isso. De estar aqui. De ter chegado nesse lugar na minha vida. Sinto uma gratidão imensa pelas pessoas incríveis que me apoiaram ao longo dessa jornada. Eu não consigo nem começar a expressar o quão incrível é finalmente amar quem eu sou o suficiente para buscar o meu eu autêntico. Tenho sido infinitamente inspirado por tantos na comunidade trans. Obrigado por sua coragem, sua generosidade e seu trabalho incessante para tornar esse mundo um lugar mais inclusivo e com compaixão. Vou oferecer todo o apoio que puder para continuar lutando por uma sociedade mais amorosa e igualitária.

“Também peço paciência. Minha alegria é real, mas também é frágil. A verdade é que, apesar de me sentir profundamente feliz no momento e saber quanto privilégio eu carrego, também tenho medo. Tenho medo da invasividade, do ódio, das ‘piadas’ e da violência. Para ser mais claro, não estou tentando atenuar um momento que é feliz e um que eu quero celebrar, mas quero mostrar todo o contexto. As estatísticas são atordoantes. A discriminação com pessoas trans é abundante, insidiosa e cruel, resultando em consequências terríveis. Só em 2020, foi relatado que pelo menos 40 pessoas trans foram mortas, a maioria delas eram mulheres trans negras ou latinas. Aos líderes políticos que trabalham para criminalizar assistência médica trans e negar o nosso direito de existir e a todos aqueles com uma grande plataforma que continuam a destilar hostilidade na comunidade trans: vocês tem sangue nas mãos. Vocês liberam uma fúria vil e humilhante que cai nos ombros da comunidade trans, uma comunidade na qual 40% dos adultos relataram tentar suicídio. Já basta. Vocês não estão sendo ‘cancelados’, vocês estão ferindo pessoas. Eu sou uma dessas pessoas e nós não vamos ficar calados perante seus ataques.

“Eu amo ser trans. E amo ser queer. E quanto mais me aceito como sou, mais sonho, mais amo e mais prospero. Para todas as pessoas trans que lidaram com assédio, aversão a si mesmos, abusos e a ameaça de violência todos os dias: Eu entendo vocês, eu amo vocês e farei tudo que puder para mudar esse mundo para melhor. Obrigado por ler isso.”

O ator segue no elenco de The Umbrella Academy que foi renovada para a 3ª temporada na Netflix.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Usuários brasileiros de torrent são notificados em R$ 3 mil por downloads de filmes

Confira o que estreia no Amazon Prime Video em dezembro