em ,

CD Projekt Red exige crunch para finalizar Cyberpunk 2077; CEO explica

Infelizmente prazos finais muitas vezes não conseguem condizer com a realidade, mas depois de três adiamentos, a CD Projekt Red sabe que é preciso entregar Cyberpunk 2077 em novembro de uma vez por todas.

Para isso, a empresa exigiu um crunch, mais um dia de trabalho além da jornada normal. O e-mail enviado aos desenvolvedores detalha que todos vão ter que trabalhar um ciclo de seis dias.

Adam Badowski, chefe do estúdio, usou o Twitter para publicar uma resposta para a reportagem, na qual afirma que “todos serão recompensados por cada hora extra”. Confira o trecho logo abaixo:

Essa é uma das decisões mais difíceis que tive que fazer, mas todos serão recompensados muito bem por cada hora extra que fizeram. E, assim como nos anos mais recentes, 10% do lucro anual da empresa em 2020 será dividido diretamente entre a equipe.

Cyberpunk 2077 será lançado no dia 19 de novembro para PC, PlayStation 4 e Xbox One.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Conan, o Bárbaro terá uma nova série live-action na Netflix

Crítica | Fuga de Pretória – Fugindo do Inferno