em , ,

Crítica | Titans – 01×05: Together – A Entrada Triunfal dos Titãs

Cuidado com Spoilers!

O episódio que certamente todos estávamos esperando desde o início!

Após vários altos e baixos no decorrer dos capítulos anteriores. Aqui, finalmente tivemos o melhor episódio do seriado e também o que nos mostra todo o potencial que essa serie tem. Mas o medo de termos mais episódios medíocres como o anterior continua. Pois mesmo com todo o potencial, eles precisam realmente focar na história principal e não deixar a série cair em capítulos fillers, coisa que temo que realmente pode vir a acontecer.

Mas deixando de lado o pessimismo em relação ao futuro da série, vamos focar aqui no que de fato interessa, que é esse quinto episódio do seriado, que ouso dizer, ser a melhor experiência em Live-Action que temos de uma adaptação televisa da DC Comics em anos!

O episódio já começa praticamente de onde o anterior parou, com os quatros jovens unidos e fugindo com um único objetivo em comum, manter a Rachel (Teagan Croft) em segurança da infame família atômica que vem perseguindo ela. Podemos notar logo que interação do grupo aqui é realmente muito boa, com destaque para uma cena onde todos mostram as habilidades que possuem para o Dick Grayson (Brenton Thwaites). É notável o quanto estes personagens realmente funcionam quando estão juntos, e isso é uma coisa boa. O interesse em querer mais cenas deles reunidos e interagindo só aumenta o passado que o episódio vai se desenrolando.

A direção desta vez ficou por conta de Meera Menon, que se mostrou bastante competente e ainda trouxe vários enquadramentos utilizando planos abertos que foram realmente excelentes e bem utilizados. A ação também não está nada ruim, e se mostra muito bem coreografada e bastante criativa, não tendo que abusar da violência gratuita para se manter interessante, como vimos em episódios anteriores. E tenho que dizer, que maravilha foi ver o quarteto de heróis juntos lutando lado a lado em uma boa sequência de ação, com cada um mostrando e aproveitando bem as habilidades que possuem, outro mérito da diretora, que não teve medo de mostrar toda a força que os personagens possuem.

Talvez a maior ironia aqui, seja que o melhor episódio até agora tenha sido escrito pela dupla Bryan Edward Hill e Gabrielle Stanton, e não por alguns dos criadores da série como aconteceu nos quatro episódios anteriores. É verdadeiramente notável a melhora que tivemos nos diálogos aqui. Nada muito redundante ou expositivo, e muito menos pífios.

Outra coisa deveras intrigante foi a maneira como nos apresentaram a criação da família atômica. Tortura, lavagem cerebral, tudo junto numa cena bem tensa onde vemos um homem agonizando enquanto é transformado no patriarca da maléfica família. Mas devo dizer que foi uma pena eles terem sido mortos tão cedo assim na série, pois aparentavam ser antagonistas realmente dignos para o grupo de heróis.

Aliás, uma coisa que realmente ficou estranha e bem sem sentido, foi a família ter se rendido tão facilmente para o grupo, e ainda se deixarem serem amarrados. Pois já que eles sabiam que se não agissem rápido, eles seriam mortos por uma bomba que estava dentro da cabeça deles, então ele ficaram lá simplesmente sentados, imóveis, sem ao menos tentarem terminar a missão para garantir a sobrevivência deles? Uma conveniência que efetivamente não caiu nada bem.

Assim como o fato de terem deixado completamente de lado que o Dick Grayson ainda é um detetive do departamento de polícia de Detroit, e ele praticamente sumiu do seu trabalho, não deixou explicações e não vemos nada acontecendo quanto a isso. É como se realmente tivessem abandonado esse núcleo complemente, sem mais nem menos.

Mas enfim, o quinto episódio de Titans é um belo exemplo de como a série tem todo um potencial que pode ser muito bem explorado e gerar assim uma ótima série televisa de heróis, se for bem feita, claro. Enquanto os episódios anteriores deixaram várias coisas a desejarem, esse capitulo finalmente a engatou na direção certa, e assim esperamos que continue sem nenhum desvio no restante da temporada.

E por último, devo acrescentar também que a entrada do Jason Todd (Curran Walters) apresentada aqui foi algo verdadeiramente digna do personagem e que certamente deu ainda mais esperanças do próprio Batman aparecer em algum momento na temporada.

Titans – 01×05: Together (Idem, 2018 – EUA)

Criado por: Greg Berlanti, Akiva Goldsman, Geoff Johns
Direção: Meera Menon
Roteiro: Bryan Edward Hill, Gabrielle Stanton
Elenco: Brenton Thwaites, Teagan Croft, Anna Diop, Ryan Potter, Curran Walters, Reed Birney, Melody Johnson, Jeni Ross, Logan Thompson, Zach Smadu
Emissora: DC Universe
Gênero:  Ação, Aventura
Duração: 45 minutos

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Ayrton Magalhães

"Todas essas lembranças se apagarão com o tempo, como lágrimas na chuva"

Citação de um dos meus filmes favoritos de todos os tempos, Blade Runner - O Caçador de Androides.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Crítica | House of Cards: 6ª Temporada – Comédia Política