A maior polêmica do dia no mundo do entretenimento foi a recusa da China em exibir o novo filme de Quentin TarantinoEra Uma Vez em Hollywood

Segundo o jornal The Hollywood Reporter, o país impediu a exibição do filme por conta da influência da filha de Bruce Lee que é um personagem presente na obra, mas cuja representação ofendeu familiares. 

O portal garante que Shannon Lee entrou em contato com o National Film Administration, que administra o lançamento dos longas no país, e fez pressão para que Era Uma Vez em Hollywood não chegasse aos cinemas chineses.

Para contornar a polêmica, Quentin Tarantino estaria até editando uma versão sem Bruce Lee. Assim, poderia lançar o filme na China, em uma revisão do caso. 

Por enquanto, nem governo chinês, nem Tarantino se pronunciaram sobre o ocorrido.