em ,

Homem que inspirou O Lobo de Wall Street processa produtora por fraude

Em uma reviravolta tremenda de eventos, o próprio Jordan Belfort está processando a produtora Red Granite que realizou seu filme biográfico, O Lobo de Wall Street

De acordo com a Variety, a ação foi aberta após o escândalo de 2016, em que foi comprovado que a produtora desviou bilhões de dólares de um fundo do governo da Malásia, país que tinha o pai da presidente da produtora como primeiro ministro na época da produção.

Belfort alega ser vítima do esquema, afirmando que não teria vendido os direitos para sua história – publicada nos livros O Lobo de Wall Street e A Caçada ao Lobo de Wall Street – para a Red Granite. Como a empresa não cumpriu com sua palavra de que o dinheiro tinha fontes legítimas, o corretor acredita que é injusto que sigam lucrando com sua biografia. C

onsiderando que o escândalo mancha os direitos por suas memórias, ele está processando a produtora em um valor total de US$ 300 milhões.

Matthew Schwartz, advogado da produtora, comentou o caso de forma ácida, relembrando a trajetória do próprio acusador: “O processo de Jordan Belfort não é nada além de uma tentativa desesperada e irônica de sair debaixo de um acordo que o torne rico e famoso dentro da lei pela primeira vez em sua vida.”

O filme de Martin Scorsese foi coroado como uma das melhores produções de 2014.

O que você achou desta publicação?

Redação Bastidores

Publicado por Redação Bastidores

Perfil oficial da redação do site.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Tarantino fica do lado de Scorsese e comenta guerra entre Blockbusters e filmes originais

Parasita | Produção da HBO será uma versão estendida do longa