em

J.K. Rowling responde polêmicas sobre transfobia em novo livro

A autora da saga Harry PotterJ.K. Rowling, novamente está nos holofotes após o lançamento de seu novo livro Troubled Blood. A narrativa acompanha um psicopata que se traveste de mulher para matar suas vítimas sem levantar mais suspeitas.

Agora, por conta disso, ela novamente é alvo de discussões que a acusam de transfobia, reiterando a polêmica na qual Rowling afirmou que somente mulheres têm útero.

Respondendo às críticas no site oficial de Robert Galbraith, a autora explica ter se baseado em dois assassinos que existiram na vida real: Jerry Brudos e Russell Williams. Rowling descreveu o serial-killer de Troubled Blood como “sádico e na ativa durante os anos 1960 e 1970”. Brudos, inclusive, aparece na primeira temporada de Mindhunter.

O psicopata inspirou também o clássico de Brian De Palma, Vestida para Matar.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Veja as especificações técnicas das duas versões do PlayStation 5

Tik Tok e We Chat são banidos nos Estados Unidos