em ,

Jeremy Renner admite ameaça com arma contra ex-mulher: “De saco cheio”

Pela primeira vez no caso, o ator Jeremy Renner admitiu que fez ameaças contra sua ex-mulher Sonni Pacheco

No julgamento anterior, Sonni disse que o astro ameaçou matá-la com uma pistola, deu um tiro no teto e, logo depois, ainda teria colocado a arma em sua própria boca afirmando que iria se matar.

Agora, na sessão mais recente, de acordo com informações do Radar Online, Jeremy admitiu as práticas mencionadas com a arma, mas relatou que o objeto era uma pistola de ar. O ator também disse que Lilly, amiga de Sonni e testemunha da ação, estava bêbada demais para reconhecer que a arma não era de fogo.

“De saco cheio, eu disse que ninguém estava ‘me escutando’ na vida. Eu disse que não estava aguentando mais e em um momento dramático (mas estúpido), eu peguei a pistola de ar que uso para afastar os pássaros do meu aquário e disse que se ela não me ouvisse eu poderia ‘estourar meus miolos’. Infelizmente, parece que a Lily estava bêbada demais para reconhecer que a ‘arma’ não era de fogo e que mesmo assim ela não entendeu que era para ela ir embora!”, contou.

As acusações feitas entre Renner e Sonni são uma maneira de tentarem conseguir a guarda da filha de 6 anos. A menina nasceu no dia 28 de março de 2013. O ator e a modelo se casaram em 13 de janeiro de 2014 e entraram com o pedido de divórcio no dia 30 de dezembro do mesmo ano, alegando diferenças inconciliáveis.

Desde então, os dois lutam pela guarda da criança culminando agora. É uma grande probabilidade que o ator seja despedido da Marvel onde interpreta o personagem Gavião Arqueiro.

O que você achou desta publicação?

Redação Bastidores

Publicado por Redação Bastidores

Perfil oficial da redação do site.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Netflix divulga trailer de “Ninguém Tá Olhando”, série estrelada por Kéfera

Todos os membros da Academia poderão votar na categoria de Filme Internacional no Oscar 2020