em ,

Lista | 5 filmes que falharam em lançar franquias

Grandes estúdios estão sempre procurando por grandes franquias para chamarem de suas. Agora vivemos a Era dos super-heróis no Cinema, mas nem sempre foi assim. Há aproximados dez anos, o cenário era bem diferente e até mesmo a Disney buscava emplacar uma grande franquia. Pensando nisso, decidimos pensar nos filmes que falharam miseravelmente em lançar franquias nessa era pós-O Senhor dos Anéis e pré-Universo Cinematográfico Marvel.

Vamos lá!

Os Homens que não Amavam as Mulheres

David Fincher é um dos maiores diretores da atualidade e, como qualquer filme seu, Os Homens que não Amavam as Mulheres prometia muito. E o filme entregou! Ganhamos um dos melhores thrillers dos últimos anos, que se saiu muito bem na bilheteria, mas não o suficiente para a Sony criar uma continuação.

Agora, sete anos depois, a continuação finalmente está em produção, mas com diretor, equipe e elenco totalmente diferentes. O filme de Fincher, portanto, não falhou completamente em lançar uma franquia, mas não podemos considerar um sucesso exatamente, afinal, a maior parte dos espectadores sequer sabe que A Garota na Teia de Aranha é uma continuação. Muito triste e, por mais que amemos o trabalho de Claire Foy, vai doer um pouco não ver Rooney Mara reprisando o papel de Lisbeth Salander.

A Bússola de Ouro

O sucesso estrondoso de O Senhor dos Anéis criou uma nova era de filmes de fantasia em Hollywood. Infelizmente, a maior parte desses filmes foram desastres completos, incluindo A Bússola de Ouro.

Baseado nos livros de Philip Pullman, o longa-metragem traz Daniel Craig, Nicole Kidman, Eva Green, Ian McShane, Kathy Bates e Ian McKellen no elenco e custou estimados 180 milhões de dólares, fazendo 372 milhões na bilheteria mundial. Não é um flop exatamente, mas muito longe do que a New Line queria, após fazer 1 bilhão com O Retorno do Rei. A trilogia de Pullman acabou não sendo adaptada, permanecendo, como filme, apenas na primeira iteração.

 

Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo

Chega a ser surreal, hoje em dia, pensar em um tempo que a Disney estava procurando por franquias de sucesso.

Sim, estamos falando de um tempo no qual o Universo Cinematográfico Marvel já existia (Homem de Ferro saiu em 2008, Príncipe da Pérsia em 2010), mas não era a monstruosidade que é hoje em dia. A Casa do Mickey, então, tentou adaptar a franquia de sucesso da Ubisoft, em um filme estrelado por Jake Gyllenhaal, Gemma Arterton e Ben Kingsley. Era para a franquia tapar o buraco de Piratas do Caribe, mas o filme acabou perdendo dinheiro, graças à sua grande campanha de marketing.

Não é preciso dizer que a continuação foi descartada.

O Destino de Júpiter

As irmãs Wachowski rapidamente se tornaram grandes em Hollywood, através da franquia Matrix. Infelizmente, as diretoras falharam em emplacar mais um grande projeto depois de seu clássico moderno de 1999. O maior desses fracassos foi O Legado de Júpiter.

Estrelado por Mila Kunis, Channing Tatum, Eddie Redmayne e Sean Bean, o filme deveria ter lançado uma franquia, mas foi um dos maiores flops de todos os tempos, sendo considerado um dos piores filmes de 2015.

Ao menos, não muito tempo depois, elas lançaram o excelente Sense8.

John Carter

Certamente uma das maiores vergonhas da Disney, John Carter passou por uma produção problemática e se tornou um dos filmes mais caros de todos os tempos. O que não esperavam é que o filme somente faria US$ 284 milhões, contra os seus 263 milhões de orçamento, que, se considerarmos o marketing, prova que o filme perdeu uma quantia enorme de dinheiro para a Disney.

O filme ainda acabou com a carreira de Taylor Kitsch, que não emplacou mais nenhum grande projeto desde então.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Guilherme Coral

Refugiado de uma galáxia muito muito distante, caí neste planeta do setor 2814 por engano. Fui levado, graças à paixão por filmes ao ramo do Cinema e Audiovisual, onde atualmente me aventuro. Mas minha louca obsessão pelo entretenimento desta Terra não se limita à tela grande - literatura, séries, games são todos partes imprescindíveis do itinerário dessa longa viagem.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Luigi’s Mansion ganhará remake para Nintendo 3DS ainda neste ano

BBC está desenvolvendo uma Série sobre o “Homem-Elefante”