O Batman é um personagem muito amado por todos, e já ganhou diversas adaptações em diferentes mídias, principalmente no cinema. Já foram feitos vários filmes sobre o famoso morcego vigilante. E também muitos diretores já elaboraram projetos de filmes sobre o personagem, e alguns desses projetos acabaram nunca vendo a luz do dia.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Com isso, listamos aqui sete filmes do Batman que acabaram nunca indo para frente, confira.

BATMAN DO IVAN REITMAN

Ivan Reitman é considerado como um dos maiores diretores de comédia de todos os tempos. E a acredite ou não, mas ele havia sido cotado em 1985 para dirigir um longa solo do Batman que estrelaria o Bill Murray como o Cavaleiro das Trevas. Mas para um filme Batman, talvez ele não fosse o cara certo para dirigir o filme o filme. Tom Mankiewicz, o roteirista de Superman: O Filme, já estava escrevendo inclusive o roteiro do filme, e Reitman inclusive, tinha planos para escalar David Bowie como o Coringa, uma coisa que certamente todos nós íamos querer ver. No entanto, para melhor ou para pior, os planos do filme falharam ele acabou sendo cancelado.

TERCEIRO FILME DO BATMAN DO SCHUMACHER

Acontece que antes de Batman e Robin se tornar um dos filmes mais odiados de todos os tempos, Schumacher já estava planejando o seu terceiro filme do Batman, que felizmente nunca viu a luz do dia.  O filme iria estrelar Nicolas Cage como o vilão, Espantalho e a Madonna como a Harley Quinn, que nessa versão seria a filha do Coringa, em vez de seu interesse amoroso. Ainda haviam planos de trazer o Coringa de volta através de alucinações causadas pelo gás do medo do espantalho. Esse filme certamente ia ser uma bagunça completa.

TERCEIRO FILME DO BATMAN DO TIM BURTON

Batman: O Retorno está bem longe de ser um filme ruim, mas os resultados de bilheteria do filme foram catastróficos, e por causa disso, o estúdio acabou tirando Tim Burton da direção do terceiro filme no Batman. Então o filme acabou sendo assumida por Joel Schumacher e já sabemos a catástrofe que foi isso. Antes de Burton ser tirado do projeto, ele planejava introduzir o Charada como o principal vilão do filme. Havia rumores de que a Mulher-Gato de Michelle Pfeiffer retornaria e uma versão um tanto diferente do Robin seria apresentada.

BATMAN DO DARREN ARONOFSKY

Depois da bomba atômica que foi Batman e Robin, e antes de Christopher Nolan renovar a franquia do personagem sua visão mais realista, o diretor Darren Aronofsky estava totalmente interessado em dirigir uma adaptação da graphic novel Batman: Ano Um, estrelando o ator Joaquin Phoenix como o Batman. Ele inclusive colaborou com o escritor da HQ, Frank Miller, a fim de dar luz verde ao projeto. A principal razão pela qual a Warner Bros rejeitou a ideia do aclamado diretor foi que tanto o Darren quanto o Miller queriam que o filme tivesse uma classificação para maiores, infelizmente, na época o estúdio não estava pronto para tomar uma decisão tão ousado assim e o projeto acabou indo para a gaveta.

BATMAN VS SUPERMAN DO WOLFGANG PETERSEN

Em 2003, antes de Christopher Nolan assumir a franquia do Batman, o diretor Wolfgang Petersen, estava interessado em fazer um filme onde o Cavaleiro das Trevas iria enfrentar o Superman. Peterson apresentou a ideia à Warner Bros, que acabou se interessando em sua abordagem dos personagens. A história apresentaria Bruce Wayne como noivo do amor de sua vida. No entanto, o Coringa interfere e assassina a noiva de Bruce antes do casamento. Bruce, em seguida, acaba entrando em um estado emocional totalmente fragilizado e neurótico que acaba chamando a atenção do Homem de Aço, para impedir Bruce de causar algum mal a sociedade. O filme infelizmente acabou sendo cancelado logo após as datas de filmagens serem anunciadas. Coincidentemente, Christian Bale, era o principal candidato para o papel do Superman no filme de Peterson.

BATMAN DOS IRMÃOS WACHOWSKIS

Devido ao fato de que o esboço de Darren Aronofsky para a adaptação de Batman: Ano Um, era bastante violento e exigência uma classificação para maiores.  Eles acabaram engavetando o projeto dele e procuraram por outro diretor para reviver a franquia depois da bagunça que Schumacher fez. A Warner Bros então voltou-se para os Wachowskis, os criadores e diretores da bem sucedida trilogia Matrix. O estúdio gostou da proposta que eles tinham, mas no final, Christopher Nolan que acabou assumindo a franquia.

O CAVALEIRO DAS TREVAS DE JOEL SCHUMACHER

O Cavaleiro das Trevas de Frank Miller é uma das histórias mais icônicas e amada do Batman, então faz sentido que muitos diretores quisessem adaptar a história para os cinemas. Por volta da época de produção de Batman e Robin, o diretor Joel Schumacher estava muito interessado em adaptar a história, como um filme bem mais sombrio que as suas adaptações do Batman e ele também estava interessado em trazer Michael Keaton de volta ao papel do morcego vigilante. Porém as negociações acabaram não dando certo e o filme não foi pra frente. Nem este nem o terceiro filme do Batman que ele estava planejando.

Comente!