Poucas pessoas ficaram bilionárias tão rapidamente quanto Mark Zuckerberg. O fundador e CEO do Facebook expandiu seu negócio rapidamente, conquistando diversas plataformas sociais vitais para a vida moderna dessa década como o Instagram e o Whatsapp.

Porém, até mesmo os grandes acabam caindo. 2018 foi ano da grande derrocada do jovem bilionário de apenas 30 anos. Segundo o Bloomberg Billionaires, Zuckerberg perdeu US$ 19,5 bilhões. Uma quantia exorbitante e impressionante. O déficit foi tão tremendo que nem mesmo outros nomes grandes de tecnologia chegaram perto da metade do valor que ele perdeu nesse ano.

Os motivos da perda de valor em ações para o Facebook e outras empresas de Zuckerberg são diversos. O empresário se envolveu em diversas polêmicas neste ano envolvendo venda de dados confidenciais, brechas de seguranças graves e até mesmo acusações de gestão antiética. 

Tendo atingido o valor de US$ 213 por ação, o Facebook viu seu valor financeiro cair até o preço de venda de US$ 123. 

Entretanto, ninguém perde tanto dinheiro se também não tem uma quantidade massiva do mesmo. Zuckerberg pode ter ficado quase 20 bilhões mais podre, mas ainda acumula uma fortuna de US$ 53,3 bilhões. Um valor superior até mesmo à da fortuna dos fundadores da Google.