Marcelo Yuka, fundador da banda O Rappa, baterista e compositor, morreu na noite desta sexta-feira (18), de infecção generalizada. O músico de 53 anos estava internado no hospital Quinta D’Or e no início de janeiro havia entrado em coma induzido.

O compositor ficou paraplégico em 2000 quando foi baleado nove vezes na Tijuca ao tentar ajudar uma mulher que estava sendo assaltada. Desde então teve inúmeros problemas de saúde, tanto que em 2017 lançou seu cd intitulado Canções para depois do Ódio que foi lançado quando Marcelo Yuka estava em um hospital, local pelo qual ficou boa parte de 2017.

A trajetória de sucesso de Marcelo Yuka começou em 1993, sendo um dos fundadores do Rappa, banda na qual permaneceu até 2001, um ano após ter sido baleado e ficado paraplégico.

O Rappa e Yuka então seguiram rotinas distintas desde então, o músico seguindo carreira solo e o Rappa parando as atividades.

Comente!