Freddie Mercury morreu em 1991, mas apesar do que muitos pensam a banda Queen não acabou após a morte de seu vocalista, se mantendo na ativa até os dias atuais. Porém há uma ausência bastante sentida depois de se iniciar essa nova fase da banda britânica, que é o sumiço do baixista John Deacon dos palcos.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

O músico, que foi um dos protagonistas do longa arrasador Bohemian Rhapsody, tomou uma decisão pessoal após a morte de seu amigo e simplesmente quis sair de cena, vivendo ao lado de sua esposa e de seus filhos e não estando mais presencialmente com a banda, participando apenas de decisões tomadas em relação ao Queen.

Para o ex-baixista era impossível que o Queen continuasse sem Mercury e por isso decidiu ficar longe da banda. O baterista Roger Taylor e o guitarrista Brian May não concordaram com isso e continuaram com o grupo, tanto que o atual vocalista do Queen é Adam Lambert e recentemente a banda divulgou que irá fazer uma nova turnê.

     John Deacon em Londres

Há outra versão para seu isolamento que seria relacionada a uma possível depressão que sofreu por alguns anos após o falecimento de Mercury. Recentemente, em outubro (2018) Phil Symes, assessor de imprensa do Queen, afirmou ao Daily Mail que Joh Deacon está apenas “vivendo uma vida privada”.

John Deacon fez apenas mais três shows com o Queen após a morte de Freddie Mercury. Um em tributo ao vocalista, em 1992, outro em 1993 com a intenção de arrecadar fundos para o hospital King Edward VII e um último com Elton Show como vocalista cantando Show Must Go On, essas aparições foram esporádicas.

Além de um grande músico John Deacon também era um grande compositor. Foi de sua autoria grandes clássicos do Queen como I Want To Break Free, You’re My Best Friend e Another one Bites the Dust. Apesar de estar longe da banda continua como um dos sócios – como foi mostrado em Bohemian Rhapsody – e conta com uma fortuna estimada em mais de 100 milhões de dólares. 

Comente!