Por vezes as ideias empreendedoras podem ir longe de mais. Obviamente esse é o caso do dono do restaurante parcialmente inundado no Vietnã. No Amix Coffee, os visitantes tem a oportunidade de relaxar enquanto dezenas de peixinhos ornamentais nadam em seus pés imersos em 25 centímetros de água. 

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

O café está localizado na Cidade de Ho Chi Minh e oferece dois andares parcialmente alagados com diversos peixes vivendo submersos. Tudo é vedado para evitar o dano da água na estrutura e nos móveis. 

Para entrar no Amix, os clientes precisam retirar os sapatos e lavar os pés em um banheiro específico localizado antes da área inundada. Só assim que é permitido entrar no lugar que oferece lanches diversos e bebidas refrescantes, embora a maior atração sejam mesmo os peixes nadando no lugar exótico.

A construção do Amix foi um verdadeiro desafio para o proprietário Nguyen Duoc Hoa que queria elevar os níveis de restaurantes pet friendly no mundo. Cada andar conta com dez mil litros de água, além de um sistema triplo de filtragem de água para deixá-la limpa e saudável para os peixes. Porém, embora deixe o lugar em condições habitáveis para os peixes, Hoa reconhece que alguns clientes causem demasiado estresse para os animais. 

Em entrevista a EFE, agência espanhola de notícias, Hoa contou histórias de famílias com crianças pequenas que ficam correndo no lugar e tentando tirar os peixes da água. Embora a clientela seja importante, Hoa admite que assim que um caso desses é visto, rapidamente a família é convidada a se retirar do estabelecimento. 

Embora o lugar seja recebido positivamente pela população que o avalia por volta de 4 estrelas no Google, o Amix Coffe já recebeu diversas críticas envolvendo a qualidade de vida dos peixes. Por mais que o proprietário diga que tudo é mil maravilhas, muitos acham a proposta do restaurante algo aberrante por sujeitar os peixes a um confinamento ridículo as custas do entretenimento dos clientes. 

Em vídeos, é possível ver como os peixes realmente estão assustados e tendem a se acumular em cantos para evitar o contato humano. Veja:

Comente!