Em entrevista para o The Telegraph, Martin Freeman, que vive Watson na série Sherlock, da BBC, revelou que não se diverte mais fazendo o programa, em razão da pressão dos fãs.

“Para ser absolutamente honesto, era meio impossível. Sherlock se tornou o que é imediatamente. Enquanto mesmo com The Office [a versão britânica] foi algo que aconteceu aos poucos. Mas Sherlock era de alta qualidade desde o início. E quando você começa [tão bem] é bem difícil manter isso. Estar nessa série é como uma versão mini dos Beatles. A expectativa das pessoas não deixam mais ser divertido. Não é algo para ser aproveitado, é como “é bom você fazer isso, caso contrário, você é um !@#$” Isso não é divertido.”

Freeman continuou, comentando sobre uma quinta temporada:

“Acho que a quarta temporada é uma pausa. Acho que sentimos que fizemos isso por um bom tempo já. E como parte disso, falando por mim, é por conta da recepção [da série].”

Em outras palavras, os fãs estragaram Sherlock para Martin Freeman, o que não é surpreendente, considerando as loucuras cometidas por muitos deles. Dito isso, não há qualquer previsão de que Sherlock retorne para uma quinta temporada – é possível que o seriado tenha acabado em seu quarto ano.