em ,

Vidro | Shyamalan explica o final do filme

Vidro já chegou aos cinemas e as expectativas estão altas. Por isso, se ainda não conferiu, passe longe da matéria, pois temos spoilers aqui. 

Após a morte dos três protagonistas, os três personagens coadjuvantes principais conseguem revelar ao mundo os feitos extraordinários de Mr. Glass, do Vigilante e da Besta. Desse modo, o mundo reconhece a existência dos super-heróis permitindo que outras pessoas com habilidades extraordinárias se revelem ao público. 

Em entrevista ao EW, o diretor M. Night Shyamalan explicou as implicações desse final de jornada:

“Eu sempre imaginei isso como um ópera, desde que fiz Corpo Fechado. Acho que lembra uma ópera o modo como as pessoas ficam surpresas e todas as implicações disso. O filme é mais sobre implicações do que tudo mais. Eu sou um fã de Um Estranho no Ninho, o formato do filme me encantou quando assisti. A ideia da jornada do personagem principal se completar com a de outro personagem me encanta”.

Recentemente, em entrevista ao Digital Spy, o ator James McAvoy confirmou que assinou o contrato para Fragmentado sem perceber que era uma sequência de Corpo Fechado.

“Eu li a primeira versão que me mandaram, e tinha um indício sutil que eu deixei escapar, mas teria entendido se fosse mais perceptivo. Então começamos os ensaios e ele, Shyamalan, ficava falando de Corpo Fechado. Acho que depois ele percebeu que a dica foi muito pequena e precisava ser um pouco mais na cara, então decidiu acrescentar também aquela cena final com o Willis, que é muito legal.

Segundo o Deadline, o filme pode abrir com US$ 75 milhões, algo que já seria a melhor abertura da vida artística de M. Night Shyamalan superando com folga a estreia de Sinais que arrecadou US$ 60 milhões. 

O filme traz Samuel L. Jackson, Bruce Willis, James McAvoy, Anya Taylor-Joy e Sarah Paulson no elenco. 

Vidro estreia em 17 de janeiro de 2019.

O que você achou desta publicação?

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Bohemian Rhapsody | Ex-Noiva de Freddie Mercury receberá quase US$ 40 milhões pelo filme

Vidro | Longa arrecada abaixo do esperado em bilheteria do final de semana