em ,

Youtuber que matou feministas em Red Dead Redemption 2, agora leva NPC negro para a KKK

O youtuber Shirrako está em guerra contra a comunidade de jornalistas que condenou seu vídeo exibindo o espancamento de uma NPC feminista em Red Dead Redemption 2. Após o Youtube chegar até mesmo a suspender a conta dele, o youtuber conseguiu apelar e reaver seu canal. 

Agora, motivado pela fama que conquistou por conta da enorme divulgação que recebeu pelo vídeo, o jogador decidiu se tornar ainda mais polêmico ao publicar novos vídeos nos quais deportou um mexicano para o México, além de um novo, postado ontem, exibindo seu personagem entregando um NPC negro para os membros da KKK, organização racista que existiu por um longo período nos EUA. 

O youtuber queria descobrir se a Rockstar programou uma reação dos personagens racistas ao serem confrontados por um personagem negro. 

Confira:

Obviamente que Shirrako conseguirá irritar uma grande parte de pessoas com seu novo vídeo. Também é muito provável que o jogador procure uma polêmica nova para provocar mais gente em breve. 

Red Dead Redemption 2 já está disponível nas lojas. Leia a nossa análise aqui.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Ennio Morricone nega que xingou Tarantino e ameaça processar Playboy

O Mundo Sombrio de Sabrina | Netflix confirma lançamento de episódio especial da série