em ,

Depois de polêmica, representantes de Michael Caine afirmam que ele não se aposentou

Uma grande repercussão aconteceu recentemente após Michael Caine afirmar à BBC Radio que iria se aposentar para continuar sua carreira como escritor. Porém, hoje, representantes do ator de 88 anos continuará trabalhando em novos filmes. As informações são do TheWrap.

À BBC, ele afirmou: “É realmente o meu último papel. Eu não trabalho há dois anos, e tenho um problema de espinha que afeta minhas pernas, fazendo com que seja difícil andar. Eu escrevi um livro, ou na verdade alguns livros, que venderam bem. Não sou mais ator, sou escritor“, disse ele.

Caine se refere a volumes autobiográficos como What’s it All About? (1992), The Elephant to Hollywood (2010) e Blowing the Doors Off (2018). “O bom é que, enquanto um ator tem que se levar 6h30 da manhã para ir ao set, um escritor pode trabalhar da própria cama“, brincou.

Vencedor de dois Oscar, por Hannah e Suas Irmãs (1986) e Regras da Vida (2000), ele afirmou que não tem recebido muitas propostas ultimamente: “Não é como se existissem dúzias de roteiros por aí buscando um protagonista de 88 anos de idade, sabe?“.

Como sempre costuma trabalhar com Christopher Nolan, é possível esperar uma participação especial do ator em Oppenheimer previsto para estrear em 2023.

O que você achou desta publicação?

Publicado por Redação Bastidores

Perfil oficial da redação do site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Crítica | Pegando a Estrada – Um road movie sensacional

Yahya Abdul-Mateen explica Morpheus jovem e saída de Laurence Fishburne em Matrix 4