em

União Europeia quer exigir USB-C em todos os dispositivos

Comissão Europeia, que atua como um braço executivo da União Europeia, confirmou que planeja divulgar uma nova norma para padronizar as entradas de carregamentos de todos os tipos de eletrônicos para o USB tipo C.

A entrada já é comum em muitos dispositivos Android, mas não é adotada pela Apple e nem por outros dispositivos eletrônicos.

O objetivo é reduzir o lixo eletrônico. Hoje, notebooks, smartwatches, fones de ouvido sem fio, iPhones, e vários outros aparelhos, possuem diferentes entradas para carregamento. Com tantos carregadores e cabos, quando estes produtos quebram ou são substituídos, acabam gerando uma grande montanha de lixo de produtos inúteis.

O projeto visa exigir que as fabricantes adotem o USB-C como padrão. A principal impactada nesse processo será a Apple, que ainda usa o conector Lightning, próprio da empresa, que só funciona em seus dispositivos.

“Os carregadores alimentam todos os nossos dispositivos eletrônicos mais essenciais. Com mais e mais dispositivos, mais e mais carregadores são vendidos que não são intercambiáveis? Ou desnecessários. Estamos acabando com isso. Com a nossa proposta, os consumidores europeus poderão usar um único carregador para todos os seus eletrônicos portáteis – um passo importante para aumentar a conveniência e reduzir o desperdício” informa a vice-presidente executiva da Comissão Europeia, Margrethe Vestager.

As propostas serão encaminhadas para votação e será avaliado a possibilidade de execução. Ainda não há uma data para que isso entre em vigor e nem há uma confirmação de que as empresas irão se adequar às novas exigências.

O que você achou desta publicação?

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

HBO Max fará documentário com foco na história da DC Comics

Alexandre Garcia é demitido da CNN após defender tratamento precoce