em ,

FofoFofo

Alessandra Negrini comenta sobre episódio de “cancelamento” que sofreu na internet

No Carnaval de 2020, Alessandra Negrini sofreu um cancelamento nas redes sociais por estar fantasiada de índia nos blocos que participou.

Ela foi acusada de “apropriação cultural” e sofreu com retaliações pesadas na internet. Agora, em entrevista ao podcast Novela das 9, do Gshow, a atriz comentou sobre o episódio.

Não sou a favor. Como diria Nelson Rodrigues, toda unanimidade é burra. Essas coisas precipitadas da internet levam a equívocos”, contou

“O cancelamento surgiu como uma ferramenta importante de balizar as pessoas e falar: ‘Não, você não pode fazer isso, isso é horrível’. Ele tem seu valor nesse sentido. Mas virou algo impositivo, virou um instrumento de violência. Então tem que ter sempre o diálogo dentro da própria narrativa”, disse.

Você tem uma narrativa, mas tem que pensar os prós e os contras dentro da própria narrativa. Ou seja, você tem que parar para pensar. O que tem acontecido no cancelamento é que ninguém para para pensar. Eu acho meio fascista o processo do cancelamento, na verdade”, finalizou.

O que você achou desta publicação?

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Alessandra Negrini faz revelações sobre como se sente com 50 anos de idade

Camila Cabello faz flashmob e para o trânsito para divulgar Cinderela