em ,

Ator de série da Apple precisa provar que existe após ser acusado de ser CGI

O ator de Ted LassoBrett Goldstein, precisou recorrer à internet para provar que realmente existe e que não se trata de um personagem criado através de computação gráfica.

Atento a diversas teorias bizarras que surgiram no Reddit há pelo menos onze meses, ele usou suas redes para provar que realmente é um ser humano de carne e osso.

Tudo começou quando um internauta postou o seguinte: “Acabei de começar a assistir o piloto e estou na cena em que Roy é chamado ao escritório de Ted. Estou louco ou ele parece um personagem CGI completo?”.

Goldstein, entretanto, decidiu acabar com as dúvidas de uma vez por todas através do Instagram em um vídeo engraçado com filtro de desenho.

O ator explica que “há uma porra de uma merda maluca acontecendo na internet hoje, como de costume”, mas logo em seguida ele insiste que é “um homem humano, normal, completamente real” e que faz “coisas humanas normais e básicas, como renderizar, armazenar e transferir dados”.

Confira:

O que você achou desta publicação?

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Correio da Nova Zelândia celebra 20 anos de O Senhor dos Anéis com coleção de selos; confira

Shang-Chi provocou adiantamento de Venom 2 nos cinemas