Entretenimento é uma pauta que está sempre em discussão entre diversas pessoas, afinal é o que possibilita encontrar um pouco de sossego nos finais de semana. No Brasil, uma das opções favoritas é conferir as novas produções nacionais e internacionais que chegam no país semanalmente. 

Em 2019, o número cresceu bastante em relação a 2018, porém filmes nacionais perderam mais espectadores. Confira:

  • O público geral aumentou 7,6%: foi de 160 milhões em 2018 para 172,2 milhões em 2019, mas foi o segundo menor público dos últimos cinco anos;
  • O público de filmes nacionais diminuiu: de 22,9 milhões em 2018 para 22,6 milhões em 2019;
  • A arrecadação aumentou 13%. A renda acumulada somou mais de R$2,7 bilhões em 2019, contra R$ 2,4 bilhões arrecadados em 2018.

Em valores totais, o registrado em 2019 é o maior dos últimos 17 anos (período dos dados de arrecadação disponibilizados pela Ancine).

Já com os valores atualizados pela inflação de 2019, a bilheteria do ano passado se torna a quarta maior dos últimos anos, atrás de 2017, 2016 e 2015, nesta ordem.

Entre os filmes da empresa estão o recordista de bilheteria Vingadores: Ultimato, além dos bem-sucedidos O Rei leão, Aladdin e Toy Story 4. Todos da Disney.

Ao mesmo tempo, ir ao cinema ficou mais caro: o preço médio do ingresso foi de R$ 14,23 para R$ 15,02 em um ano. O aumento de 5,63% ficou acima da inflação de 2019, que foi de 4,31%.

Enquanto filmes estrangeiros levaram mais de 12 milhões de pessoas ao cinema do que em 2018, os filmes nacionais tiveram queda de 300 mil espectadores. Com estreia em 26 de dezembro, o filme Minha mãe é uma peça 3 diminuiu a diferença da bilheteria nacional. Uma semana antes de sua estreia, 2019 tinha 1,1 milhão de espectadores a menos que o mesmo período de 2018.

O dado pode refletir a diminuição de 10% nos títulos em cartaz: foram 327 filmes nacionais em cartaz em 2019. Em 2018, estrearam 367 produções nacionais nos cinemas.

Veja os campeões de público no Brasil em 2019:

  1. “Vingadores: Ultimato” – 19,2 milhões
  2. “O Rei Leão” – 15,9 milhões
  3. “Coringa” – 9,4 milhões
  4. “Capitã Marvel” – 8,8 milhões
  5. “Toy Story 4” – 7,8 milhões
  6. “Homem-Aranha longe de casa” – 6,4 milhões
  7. “Malévola: Dona do mal” – 5,6 milhões