em

Game of Thrones | Principais Teorias Sobre o Dragão de Gelo

Os dragões de fogo de Daenerys Targaryen são rodeados de teorias feitas pelos fãs.

Teorizam sobre de quem seriam os outros dois dragões (um agora), se haveriam mais vivos em Valyria ou em outros continentes e por aí vai. Uma das mais famosas teses diz respeito ao Dragão de Gelo. A questão é: ele existe ou não? Acredita-se que sim, já que alguns elementos foram jogados tanto no livro como na série e não faz sentido terem mostrado tais menções apenas por mostrar. Algumas delas como verão já se tornaram furadas, outras nem tanto. Essas ideias não vem de agora, há algum tempo os fãs falam sobre isso. 

No Norte de Westeros existem lendas passadas de geração em geração sobre essas criaturas, que seriam maiores que os dragões de Valyria, feitos de gelo puro. A velha ama de Winterfell contava para as crianças a história do dragão de gelo e Jon Snow chega a citar esse mesmo dragão e as histórias contadas pela ama. No livro há uma passagem que cita estranhos seres residentes do Mar Tremente, dentre eles os dragões de gelo. Essa região fica ao norte de Essos e que já pertenceu um dia a Valyria. 

George R. R. Martin tem um livro datado de 1980 chamado exatamente de “Dragão de Gelo“. Nessa obra infantil há uma garota que se une a um dragão para proteger o lugar em que vive contra os dragões de fogo. Por onde o dragão de gelo passava, deixava um rastro de destruição e caos. George Martin nunca confirmou essa tese de que o livro do Dragão Gelado se passasse na mesma época ou mesmo universo de Game of Thrones. 

Uma das teorias mais famosas diz respeito da existência de um dragão residir dentro da Muralha. Isso poderia ter acontecido quando ela foi construída por Brandon, o construtor que era da casa Stark. Ele que deu início a construção da Muralha e especialistas dizem que no mundo real ela não existiria já que derreteria ou se fosse construída do jeito que é mostrada na série como se fosse uma parede teria já caído. Para isso os fãs teorizam que ele teve além da ajuda de outros residentes da Patrulha da Noite, a ajuda de um dragão de gelo que depois de ter feito a Muralha foi colocado dentro dela e só sairia de lá quando a mesma caísse.

Isso explicaria porque a Muralha permanece de pé já que os dragões usam magia poderosa. Sabe-se que os White Walkers não conseguem passar pela Muralha justamente por ela ter algum tipo de magia. Agora se explica porque ele quis transformar o dragão em um zumbi, a magia dele é capaz de destruir a Muralha de vez ou ele pode até mesmo passar sobre ela voando. 

E aí caímos em outra tese que tem a ver com o dragão preso na muralha. Mance Rayder, o líder dos selvagens queimado por Stannis Baratheon, tinha o que ele chamava ser o berrante de Joramun, que acorda os gigantes da terra e podia também ter o poder de derrubar a muralha. No livro o berrante foi queimado e na série nem chegou a aparecer. O berrante de Mance Rayder que aparece é falso, não é o que ele dizia ser nem tinha tal poder. Há outros berrantes na história e dizem os fãs que um deles pode ser o verdadeiro. Quando tocado esse berrante de Joramun teria o poder de convocar um dragão de gelo que iria destruir a muralha, ele seria então o gigante que sairia da terra. 

Não se pode afirmar com certeza que os Dragões de gelo são de fato reais ou se simplesmente o Rei da Noite o transformou em zumbi para o usar em algo maior. A ideia de que a série passou a seguir o que os fãs queriam é um pouco surreal. Por ser uma série amada e comentada por todos é comum que diversas teorias apareçam e é bem provável que depois de muitas e muitas ideias sejam jogadas que uma delas acabe acertando ou chegando perto. Isso aconteceu com Lost e agora acontece com Game of Thrones. A ideia de ter um dragão de gelo faz muito sentido ainda mais que Daenerys tem um dragão que solta fogo e o nome do livro é “Crônicas de Gelo e Fogo”. Faz bastante sentido ter uma briga entre gelo e fogo, ainda mais com dragões. 

Escrito por Gabriel Danius.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Gabriel Danius

Jornalista e cinéfilo de carteirinha amo nas horas vagas ler, jogar e assistir a jogos de futebol. Amo filmes que acrescentem algo de relevante e tragam uma mensagem interessante.

Comentários

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Crítica | Descendentes 2

Lista | Hollywood elege os Melhores Filmes da História