em ,

Pastor embolsa R$ 30 milhões da Igreja Universal e foge

A direção da Universal do Reino de Deus (Iurd) denunciou à Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) um pastor que teria desviado cerca R$ 30 milhões da igreja.

O pastor denunciado é um antigo morador de Ceilândia. Ele é formado em arquitetura e foi um dos responsáveis pela construção do Templo de Salomão, erguido no bairro do Brás, em São Paulo.

De acordo com a denúncia feita pelos advogados da Universal, o arquiteto e pastor teria direcionado contratos para uma construtora localizada em Portugal.

Depois de perceberem as irregularidades, a Universal foi conversar com o suspeito, mas ele fugiu logo depois do primeiro contato e está desaparecido. A PCDF optou por não divulgar o nome do arquiteto para não comprometer as investigações.

No último dia 9, o Metrópoles revelou outra investigação envolvendo lideranças da Universal. Pelo menos 12 ex-pastores são acusados de desviar ao menos R$ 3 milhões de dízimos e ofertas dos cofres da entidade religiosa.

O que você achou desta publicação?

Publicado por Redação Bastidores

Perfil oficial da redação do site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Ana Maria Braga é hospitalizada após queda, mas está fora de perigo

Crítica | Mar Infinito – A solidão em nível cósmico