em , ,

Casa mal assombrada de Invocação do Mal será vigiada por Live

O isolamento social está fazendo com que as pessoas assistam todo tipo de live, e que os criadores de conteúdo exibam também qualquer tipo de live para entreter o público. Uma delas envolve um tour macabro na casa assombrada que inspirou o filme Invocação do Mal. Muito parecido com que é feito em filmes do gênero, como em Atividade Paranormal, por exemplo, em que câmeras são colocadas por todo o canto para que o público possa presenciar ruídos e aparições sobrenaturais. Confira o vídeo teaser abaixo:

A exibição da live irá ao ar entre os dias 9 e 16 de maio, mas não será gratuita, e sim será uma live paga. Para poder assistir por 24 horas será necessário pagar o valor de US$4,99 (na cotação atual R$27), já o pacote completo fica mais caro, em torno de US$19,99 (na casa dos R$108). Haverá um acesso gratuito no dia 8 de maio, um dia antes da live oficial.

O longa dirigido por James Wan é inspirado em fatos reais que seguem o casal de demonologistas Ed e Lorraine Warren, interpretados por Patrick Wilson e Vera Farmiga. O acontecimento retratado no filme de 2013 é o da família Perron, que se mudou para a residência nova situada em Rhode Island, nos Estados Unidos, nos anos 70, e desde então passou a presenciar fatos sobrenaturais e fora do comum no local.

Desde então a franquia de Invocação do Mal vem se tornando um grande sucesso nos cinemas, e recebendo até mesmo derivados, como A Freira. O terceiro capítulo, Invocação do Mal: A Ordem do Demônio, tem previsão de estreia para 10 de setembro de 2020.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Gabriel Danius

Jornalista e cinéfilo de carteirinha amo nas horas vagas ler, jogar e assistir a jogos de futebol. Amo filmes que acrescentem algo de relevante e tragam uma mensagem interessante.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Diretores de cenas de John Wick coordenarão cenas de Matrix 4

Assassin’s Creed Valhalla | Historiador do game contesta críticas sobre mulheres vikings