» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

 

Análise

O Filme

   

Em tempos onde a liberdade de imprensa é um assunto cada vez mais relevante, Steven Spielberg faz com The Post: A Guerra Secreta um registro importante e eficiente, contando com uma execução primorosa, um roteiro conciso e um elenco estelar que pode se destacar como um dos melhores que o diretor já reuniu em sua carreira. Um belo filme, e mais uma importante ode à liberdade da imprensa.

Layout: Katharine Graham, Ben Bradlee & The Washington Post

Com pouco mais de vinte minutos de duração é um material bastante produtivo em que aprendemos mais sobre o jornal Washington Post e sobre as figuras históricas de Katharine Graham e do editor Bem Bradlee. Há entrevistas com o diretor Steven Spielberg  fala sobre a importância histórica da produção e com fotos de arquivos de época de Graham nos mostra como era Kay e Bradlee na época. São elementos muito interessantes para se mostrar, pois quem assistiu ao filme ficou com o sabor de quero mais para saber quem eram aquelas figuras histórias que aparecem no longa.

Editorial: Elenco e Personagens de The Post: A Guera Secreta

   ★★

O principal elemento de um filme é o seu elenco e The Post se orgulha de ter uma equipe fantástica, tendo desde Meryl Streep e Tom Hanks como protagonistas a Sarah Poulson e Bob Odenkirk como personagens secundários. Spielberg fala da importância de conhecer quem participou da história e poder conversar com elas para recriar aqueles personagens.  Há muitas entrevistas com os atores, algo difícil de encontrar, já que geralmente entrevistam apenas os principais. Neste extra conversaram com quase todos que participaram e assim aprendemos mais sobre o processo de atuação e concepção de seus papéis. 

A seção de Estilo: Recriando uma Era

   ★★

Mais focado na reconstrução da época em que a história se passa e na importância em colocar objetos de cena que remetam a aquele tempo em que a história se passa. É muito interessante saber como reconstruíram a redação do Post do mesmo jeito que era usando fotos de arquivos e como foi o trabalho da cenógrafa e da direção de arte em recriar todo esse ambiente. Bacana também em saber como conseguiram algumas das tecnologias antigas usadas como a máquina de xerox, o linotipo e a rotativa que fazia o jornal.

Parem as Máquinas: Filmando The Post: A Guerra Secreta

É fantástico ver Steven Spielberg participando do processo de criação de uma produção. Ele estava fazendo Jogador Nº1 quando recebeu o roteiro de The Post. Rapidamente começou a produzi-lo e logo iniciaram as gravações. É um extra bastante interessante para quem quer conhecer melhor o jeito Steven Spielberg de dirigir, como ele trabalha no set, como ele reconstruiu a história e seu trabalho com o elenco. Aqui podemos ver também relatos sobre a importância de uma imprensa livre e do papel do Washington Post não apenas no caso dos documentos do Vietnã, mas para o de Watergate também. 

Artes e Entretenimento: Música para The Post: A Guerra Secreta

É o extra mais curto do blu-ray, mas nem por isso deixa de ser importante. Apresenta John Williams e seu jeito único de criar trilhas sonoras. Trabalhando há 44 anos com Spielberg John fala dos desafios de criar uma trilha que se encaixe com ambientes singulares como é o caso da redação de The Post. É interessante ver o papel do diretor sempre presente para ver a composição da trilha. 

Conclusão

Com mais de uma hora de extras The Post é uma edição de blu-ray completa e fantástica, tanto para colecionadores quanto para quem quer conhecer melhor a respeito da criação desde o roteiro até a fase em que foi filmado. Interessante também foi ver como o elenco se comporta em cena, o que cada um pensa de seu personagem e a admiração de todos por Tom Hanks e Meryl Streep. 

 

Agradecemos pela cópia cedida pela Universal Pictures para avaliação.

Comente!