em ,

Globo de Ouro muda regras de elegibilidade por conta do coronavírus

Em decorrência do impacto que o coronavírus trouxe para a indústria audiovisual em 2020, diversas premiações terão que se adaptar para selecionar seus concorrentes anuais.

No caso, agora o Globo de Ouro foi o escolhido a mudar as regras. Com o fechamento dos cinemas nos EUA, as distribuidoras devem entrar em contato com a HFPA (Hollywood Foreign Press Association) para marcar uma data de exibição à distância e, até lá, fornecer DVDs e links para que os votantes assistam aos longas em casa.

Essa regra vale de 15 de março até o dia 30 de abril, período que pode ser revisto e estendido, dependendo da evolução da pandemia.

Outra regra anterior afirmava que os longas precisavam ser exibidos em cinemas na área de Los Angeles para concorrer ao Globo de Ouro. Agora, no entanto, as produções que estavam com lançamentos marcados entre 15 de março e 30 de abril podem ser exibidas na TV e continuarão válidas para o prêmio.

A HFPA ressalta que avaliará a aplicação das regras caso a caso e que pode anunciar novas medidas de acordo com a evolução do vírus. Ainda não se sabe o que será anunciado para os meses de maio e junho, já que dependem dos resultados das medidas contra o novo vírus pandêmico.

O que você achou desta publicação?

Avatar

Publicado por Matheus Fragata

Editor-geral do Bastidores, formado em Cinema seguindo o sonho de me tornar Diretor de Fotografia. Sou apaixonado por filmes desde que nasci, além de ser fã inveterado do cinema silencioso e do grande mestre Hitchcock. Acredito no cinema contemporâneo, tenho fé em remakes e reboots, aposto em David Fincher e me divirto com as bobagens hollywoodianas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Comente!

Estudantes propõem campanha usando spoilers da Netflix para que as pessoas fiquem em casa

Final original de Arrow mostraria herói servindo de inspiração ao Batman