Por mais que tenha falhado miseravelmente na crítica, Bright, longa-metragem original da Netflix, teve sua sequência confirmada, de acordo com o THR. Will Smith e Joel Edgerton devem retornar, junto do diretor David Ayer, que também ficará encarregado do roteiro.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Max Landis, roteirista do primeiro filme, foi afastado em razão das acusações de assédio que sofreu em dezembro de 2017. Segundo o THR, ele recebeu 4 milhões de dólares pelo seu roteiro. De toda forma, Ayer acabou mexendo no roteiro do longa anterior.

Bright já está disponível na Netflix e nossa crítica do filme pode ser acessada, aqui.

Comente!