O histórico recente da DC nos cinemas é bastante conturbado, envolvendo péssimos lançamentos, trocas de diretores, abandono de projetos e mais. Agora, a equipe de cinema da editora está passando por mudanças bastante significativas, com Walter Hamada indicado como chefe da DC Entertainment, após a saída de Geoff Johns, que assinou um acordo para roteirizar e produzir filmes. Agora, de acordo com o THR, a ideia da empresa é lançar um novo selo, o DC Dark ou DC Black, que envolveria os filmes fora do universo cinematográfico da DC atual, projetos de menor orçamento e mais autorais.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

O selo estrearia com o filme do Coringa de Todd Philips, que traz Joaquin Phoenix no elenco e produção de Martin Scorsese. Ainda de acordo com o artigo, o filme será filmado no fim de 2018, com um orçamento de 55 milhões de dólares.

Além disso, outros filmes com o Coringa estão sendo desenvolvidos, envolvendo um protagonizado por Jared Leto. Os outros contam com aparições do palhaço, algumas menores, outras com maior destaque. Essas são: Esquadrão Suicida 2Gotham City SirensCoringa e ArlequinaFlashpointArlequina.

Por fim, o artigo revela mais mudanças na DC, dessa vez ligadas ao universo cinematográfico vigente – o filme do Flash deixou de lado a temática mais sombria e assumiu uma atmosfera mais divertida e tem como grande fonte de inspiração De Volta para o Futuro.

Em todo caso, resta aguardar para saber como e quando esses filmes chegarão às telonas.

Comente!