No sábado (24) foi ao ar um episódio da novela O Sétimo Guardião, da rede Globo, que está provocando bastante polêmica. Em uma cena da produção a personagem Stefânia (vivida por Carol Duarte), que tem gagueira, é estrangulada pelo personagem Sampaio (Marvelo Novais) que a obriga a dizer o porque dela estar tão interessada em uma marca que Sampaio carrega em seu corpo.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Após o ato de violência sofrido por Stefânia, ela conversa com Adamastor (Theodoro Cochrane) e ele logo descobre que a gagueira dela passou. Mas não para por aí, em outro trecho Stefânia aparece conversando com Odina (Ana Beatriz Nogueira), durante o papo a cafetina diz para Stefânia que o medo dela apanhar foi tanto que até ficou curada da gagueira e Odina ainda pediu para que ela rezasse para que não voltasse a ser gaga. 

E foi isso que causou bastante revolta a ponto do Conselho Federal de Fonoaudiologia e o Conselho Regional (Crefono), logo na segunda-feira emitirem uma nota de repúdio contra a novela. 

Em sua conta no facebook e em seu site oficial o Crefono disse: “A cena retratada é de uma irresponsabilidade que não pode ser justificada sob o argumento de ser uma ‘obra de ficção. O resultado do estrangulamento apresentado pela novela não só atribui um sentido positivo ao crime de agressão, como também reforça fundamentos não científicos e expõe as pessoas com gagueira a graves situações de violência que, eventualmente, já podem ser vivenciadas no seu cotidiano”.

O Conselho Federal de Fonoaudiologia também emitiu uma nota na qual o órgão diz: “Apesar de sabermos que a obra é ficcional, a cena veiculada é bastante equivocada e desrespeita, de maneira irresponsável, os sujeitos que apresentam gagueira”.

A novela O Sétimo Guaridão vinha tendo uma audiência abaixo dos 30 pontos, fato que conseguiu superar na última medição, feita em São Paulo, na segunda-feira (26).

Comente!