Como já devem saber, a fusão entre Disney e Fox só será aprovada no Brasil quando a companhia vender a ESPN ou o Fox Sports para outra empresa.

» Siga o Bastidores no Facebook , Instagram e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema «

Após o Conselho Administrativo de Defesa Econômica ter chegado à conclusão de que a aquisição da Fox pela Disney criaria um duopólio de canais esportivos na TV à cabo.

Com a fusão, a Disney seria dona do Fox Sports e da ESPN, e tendo somente a Globo com seu SportTV como concorrente.

Agora, a revista Bloomberg trouxe mais uma atualização sobre a fusão.

Segundo informa, o CEO da Disney, Bob Iger, chegou a vir para o Brasil para tentar avançar com o acordo. Entretanto, o Conselho informou a Iger que ainda não chegarão a uma decisão.

Ainda é informado que o conselho tem uma reunião agendada no dia 27 de fevereiro sobre o assunto. E o dia 17 de março foi colocado como a data limite para resolver a situação.

Só se sabe que a Disney terá que vender ESPN ou Fox Sports para conseguir finalmente fechar o acordo.

Comente!